ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Vinicius Claussen anuncia reforma da Feirinha e investimentos no município

Data: 01/02/2021

Vinicius Claussen projeta que haverá ainda este ano uma grande reforma na área da Feirinha do Alto

Marcus Wagner

O prefeito Vinicius Claussen inicia seu novo mandato anunciando planos para promover grandes novidades para Teresópolis. Em entrevista ao programa Mais Terê, da DIÁRIO TV, ele destacou a intenção de promover grandes melhorias na Feirinha do Alto, tanto através de uma reforma estrutural, como também de uma reformulação em sua organização. O prefeito abordou diversos temas, principalmente envolvendo o enfrentamento da pandemia e suas consequências, além de explicar os projetos e as polêmicas envolvendo a utilização do terreno da Sudamtex.

Conquista do novo mandato
“Foram 2 anos e meio de muito trabalho e provações. Primeiro, assumimos o município em estágio de falência e depois enfrentamos a maior pandemia dos últimos cem anos. Tenho gratidão a todos que acreditam no nosso trabalho, Teresópolis nos deu uma votação histórica, acreditando em nosso projeto e queremos construir esse projeto com a população”, afirmou.  

Enfrentamento da Covid-19
Sobre a preocupação quanto à situação da pandemia no município, o prefeito descartou medidas mais rígidas como proibição de funcionamento de empresas e instituições: “A Secretaria de Saúde está monitorando e avaliando todos os movimentos. Contratamos mais 10 leitos, hoje a nossa taxa de ocupação de leitos UTI Covid gira em 70% e a parte de clínica médica também está nessa faixa. Estamos monitorando a circulação do vírus em Teresópolis e nossa estrutura de testagem, de atendimento domiciliar, todos estão trabalhando muito para dar uma resposta. E já está prevista para a próxima semana a chegada de mais 4700 doses da vacina Coronavac, estamos buscando o retorno responsável fazendo o equilíbrio da saúde e da economia”. 

Respeito ao plano de vacinação
Vinicius afirmou que em Teresópolis está havendo total respeito aos grupos prioritários e alegações de que alguém furou fila são falsas: “Ouvimos que vacinaram um e outro de tal lugar que não estavam atendendo os requisitos de prioridade. Tudo mentira, todas as doses estão catalogadas, são registradas e é feito um trabalho muito sério pela Secretaria de Saúde para manter a segurança e o plano municipal de vacinação, tudo está sendo feito de forma responsável”. 

Aguardando a vez
O prefeito afirmou que não quer ter preferencia na ordem de vacinação: “Eu não tomei a vacina. Se eu fosse médico, ainda não teria tomado porque temos que respeitar o plano nacional de vacinação acima de tudo. Infelizmente vemos em alguns estados e em alguns municípios decisões equivocadas. É necessário respeito acima de tudo, existe uma fila, existe um propósito, avaliação de risco desse público, principalmente quem está na frente, os guerreiros de farda branca, depois os idosos em asilos, em seguida todos os profissionais de saúde. Eu quero ver a população segura e imunizada, eu vou tomar na hora certa e quem vai definir isso é a Secretaria de Saúde”.

Volta às aulas
A retomada das aulas presenciais também foi abordada na entrevista e Vinicius explicou que o processo está sendo feito com todos os cuidados recomendados: “Nós montamos uma comissão, onde tem a participação direta das Secretarias de Saúde e de Educação. São eixos estratégicos, construímos um plano entendendo que as crianças foram as mais afetadas em 2020. A pressão foi para dentro de casa, a família em um ambiente conturbado porque não tem acesso a serviços, deixa ter relacionamento social, não tem educação presencial, uma ruptura muito grande de uma semana para outra. É um aprendizado muito grande e quem consegue significar isso pra vida, consegue evoluir muito”. 

Retomada nas escolas particulares
“Temos trabalhado muito e estamos qualificando esse retorno da educação e não estamos segregando o público do privado, todos são Educação. Criamos um protocolo onde a rede particular retorna 1º de fevereiro e vai se habilitar com um alvará Covid Educação. Foi feito um protocolo onde as empresas vão buscar esse alvará para ver todos os requisitos que precisam atender e a vigilância sanitária faz a visita ao local para certificar se está apto a funcionar. É o ensino híbrido, uma capacidade inicial de ate 30 %, quem vai definir isso são os profissionais da saúde junto com as direções de cada escola”.  

Retomada na rede municipal
“Na educação municipal o processo é parecido volta remoto dia 8 e a partir de março, dependendo da avaliação da vigilância sanitária, espaço físico e condições intrínsecas de cada uma das 96 unidades, tamanho da sala ventilação, acesso, transporte, merenda, tudo sendo estudado para que seja feito um retorno gradual seguro e facultativo. O pai e a mãe que não sentir seguro  de levar seu filho não envie, continue ensino remoto”.

 Imunização de professores
Uma das cobranças dos sindicatos dos profissionais da Educação é a respeito de só retornarem após serem vacinados, porém o prefeito destaca que este ainda não é o protocolo que o plano nacional de vacinação preconiza: “Temos que seguir o plano nacional de imunização, pedi ao governador que antecipasse os profissionais de educação. Esse plano que fazem a divisão de doses pelos estados. Esse plano prevê um percentual maior para as capitais e no rio o governador não fez isso e dividiu de forma igual. Queremos que seja antecipado e estamos lutando para que os profissionais da educação sejam antecipados, mas por enquanto temos que seguir”.

Reformas na Feirinha
Sobre as novidades que a prefeitura pretende implantar, destaque para a reforma da Feirinha do Alto que deve ganhar uma nova cara ainda em 2021: “A Feirinha de Teresópolis hoje é o principal equipamento turístico de Teresópolis. Temos um projeto lindo que está em revisão para trazer qualidade, sinalização, melhora do posicionamento dos equipamentos de lazer, reforma das calçadas dos banheiros, um pórtico novo, vamos dar um banho de qualidade, qualificar e trazer maior fluxo. São mais de 500 empreendedores valentes que trabalham para vencer e suas famílias possam evoluir na vida. No primeiro semestre e tem coisa boa acontecendo para a ferinha”.

Sudamtex
Sobre a utilização do terreno da onde funcionou a Sudamtex, o prefeito detalhou os planos para a construção de aparelhos públicos no espaço que foi cedido em negociação com o Ministério Público: “Teresópolis vai ganhar um parque municipal, às margens o Rio Paquequer que vai ligar a nova prefeitura. Teresópolis ganhará uma nova sede administrativa e a atual sede será transformada em um centro cultural, assim a cidade ganha mais um equipamento de cultura e de turismo. Teremos ali também um mercado municipal, pois a cidade não tem equipamento como esse para que a gente leve ali produção agrícola, o artesanato, um espaço multifunção de eventos, para fomentar o empreendedorismo. Isso faz uma cidade acontecer, levar os produtos Teresópolis para outras cidades. Promover Teresópolis. Teremos parque acessível, jardim sensorial, labirinto, possivelmente uma concessão de um teleférico, saindo desse parque e subindo ate o mirante da colina, vamos trabalhar isso ainda este ano e já existem empresas no Brasil interessadas em fazer essa implantação”. 


Polo de educação pública
De acordo com Vinicius, dentro do espaço cedido à prefeitura neste terreno onde funcionava a Sudamtex, será implantando um polo de educação pública com 7500 metros quadrados com unidades do Cederj, da Faetec, Pré-vestibular social até a Pós-graduação. “Nossos filhos não precisarão mais sair de Teresópolis para estudar”, disse.
Sobre a possível construção de prédios acima do gabarito na área particular do terreno, ele afirmou que não haverá desrespeito às leis de zoneamento: “Até hoje não tem nada protocolado na secretaria de planejamento, enquanto eu for prefeito vai ter que seguir código de obras e a lei de zoneamento. Vamos respeitar a leis de zoneamento da cidade”.
Outo problema é a contaminação do local que ainda não foi tratada: “É um processo com o Inea já pacificou essa questão, no TAC tem ali várias questões para sanar, então compete ao proprietário do terreno apresentar ao MP  essas condições”, explicou.

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Rio suspende vacinação de profissionais de educação e segurança

Programa de redução de salários preserva mais de 500 mil empregos

Covid-19: Brasil tem mais de 15 milhões de casos acumulados

Estudo mostra que máscaras de algodão têm eficiência de 20% a 60%

Teresópolis imuniza pessoas com Síndrome de Down, grávidas e mulheres que tiveram bebê recentemente, após 45 dias do parto

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy