ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

UPAm flagra crimes ambientais em Albuquerque

Data: 14/09/2021

Policiais não encontraram nenhuma placa indicativa de licenciamento ou os possíveis responsáveis pelos ilícitos - Divulgação UPAm

Em cumprimento de ordem de policiamento com objetivo de averiguar denúncia de crime ambiental em Teresópolis, encaminhada pelo Linha Verde (0300 253 1177) – programa do Disque Denúncia voltado para meio ambiente – policiais militares do Comando de Polícia Ambiental constataram no último sábado, 11, a supressão de vegetação no bairro Albuquerque. Segundo os agentes lotados na Unidade de Policiamento Ambiental do Parque Estadual dos Três Picos (UPAm), assim que a equipe chegou à Estrada Inglaterra, observaram pelo lado externo do local denunciado que o mesmo encontrava-se fechado e cercado com arame. Ainda de acordo com eles, foi possível verificar o serviço de terraplanagem com movimentação do solo, corte de talude e supressão de vegetação, degradando uma área com cerca de mil metros quadrados.
Durante diligências no entorno, não observaram nenhuma placa indicativa de licenciamento ou os possíveis responsáveis pelos ilícitos. Diante dos fatos e tendo como base os artigos 48 e 60 da lei de crimes ambientais, os policiais procederam à 110ª DP, onde após perícia no local, a ocorrência foi registrada. O Linha Verde reforça a solicitação para que a população continue denunciando crimes ambientais em todo o Estado do Rio através dos telefones 0300 253 1177 (custo de ligação local) e (21) 2253 1177, além do APP “Disque Denúncia RJ” disponível para celulares. Por essa modalidade, o denunciante pode enviar fotos e vídeos, com a garantia do anonimato. É possível denunciar também através da página do Linha Verde no facebook, www.facebook.com/linhaverdedd ou ainda pelo site do Disque Denúncia (www.disquedenuncia.org.br). Lembrando que em todos os canais, o anonimato é garantido ao denunciante.

Corte de árvores, assoreamento e poluição em Petrópolis
No domingo, 12, uma denúncia sobre poluição das águas e extração irregular de árvores feita ao Linha Verde levou policiais militares ao município de Petrópolis, onde foi possível constatar crime ambiental em uma área degrada com cerca de 300 metros quadrados em Secretário. Os policiais da 5ª UPAm foram à Rua José Xavier com objetivo de averiguar as informações e no local, observaram o corte de 10 árvores de umbaúba e mangueiras no leito de um córrego, causando assoreamento e poluição. “No local foram recebidos pelo caseiro e o mesmo informou que a proprietária não se encontrava naquele momento. Ele foi questionado acerca das licenças ambientais necessárias, mas como nada foi apresentado e o mesmo não sabia que havia alguma documentação, os policiais procederam à 106ª DP, onde a ocorrência foi registrada”, divulgou a UPAm.

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Vulcão nas Ilhas Canárias poderia provocar tsunami no Brasil

Covid-19: mais 2,2 milhões de doses da Pfizer chegam a Viracopos

Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos

ONS informa que "apagão" não tem relação com crise hídrica

Tribunal de Contas do Estado aponta para rombo financeiro na prefeitura

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy