ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Traficantes guardavam granadas caseiras em Paineiras

Data: 11/02/2019

Prejuízo para o tráfico em Paineiras: Cocaína, maconha, carregadores para pistola e duas granadas de fabricação caseira apreendidas pela PM - Divulgação 30º BPM

Marcello Medeiros

Policiais do 30º BPM conseguiram tirar de circulação integrantes de um bando oriundo da favela de Acari, no Rio de Janeiro, que subiram a serra com objetivo de comandar o movimento de tráfico de entorpecentes na comunidade de Paineiras, em Teresópolis. Grande quantidade de objetos ilícitos que seriam de propriedade da organização criminosa foi apreendida e encaminhada para a 110ª DP. Entre o material, duas granadas de fabricação caseira, rádios transmissores, carregadores de pistola e uma munição para o calibre 380. Foram apreendidas ainda em área de mata nas proximidades da Rua Manoel Gonzales Fernandes 300 embalagens de cocaína e 10 de Cannabis sativa, popularmente conhecida como maconha.
Uma mulher e um homem foram presos em flagrante. A jovem relatou aos policiais que havia trazido todo o material para Teresópolis em dezembro do ano passado e que seria a responsável também por “guiar” os traficantes da favela carioca para as ações no bairro de Paineiras.  Ela relatou “ter conhecido várias dessas pessoas em bailes”.  Participaram da operação as equipes da PATAMO (Sargento Ferreira, Cabos Rangel e Paschoal e Soldado Silva), DPO São Pedro (Sargentos Bruno e Diego e Soldado Rafael) e guarnição da Supervisão de Oficiais (Tenente Zoega e Soldado Matos). 

Mais bandidos no Tiro
Outra grande ocorrência registrada neste domingo aconteceu no bairro do Morro do Tiro, uma das divisões do populoso São Pedro. Outras equipes da PATAMO e DPO São Pedro foram destacadas para apurar informações sobre chegada de carga de entorpecentes trazida por bando oriundo da Vila do João, Complexo da Maré, também no Rio de Janeiro. Nesse caso, os acusados são adolescentes. Foram apreendidos 94 tabletes de maconha, 74 sacolés de cocaína e um rádio transmissor. Os jovens relataram ainda que nos próximos dias receberiam mais rádios de comunicação e duas armas de fogo. Eles foram encaminhados para a Vara da Infância e Juventude, após registro na delegacia com acompanhamento do Conselho Tutelar. 

 

Compartilhar:






ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Programa estadual realiza primeiro transplante cardíaco de 2019

Moro defende mais rigor na punição a homicidas

Defesa Civil sinaliza acesso a pontos de apoio em nove bairros

Após tragédia, futuro do Ninho do Urubu está indefinido

Teresópolis está sem vacina contra a raiva humana

        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ