ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

TJRJ determina que escolas se preparem para retorno, mesmo em greve

Data: 14/08/2020

Arquivo - Agência Brasil

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) determinou que as escolas estaduais preparem no mínimo 70% dos funcionários que exercem atividades administrativas para um eventual retorno das atividades presenciais. A decisão do Tribunal de Justiça (TJ) veio depois que o Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do Rio de Janeiro anunciou greve a partir da volta às aulas nas escolas, ainda sem data determinada. “Esse quantitativo é necessário para que cada escola possa planejar a retomada do ano letivo sem prejuízo para o calendário escolar”, disse em nota o TJRJ. 
A volta às aulas presenciais no estado vai ocorrer regionalmente, apenas em locais que se enquadrem na faixa de baixo risco de contaminação e difusão do novo coronavírus.  Uma audiência de conciliação entre o sindicato e o governo do estado foi marcada pelo desembargador Cláudio Mello, responsável pela decisão, para o dia 1° de setembro.
Segundo a Justiça, caso não seja mantido o quantitativo mínimo determinado de servidores para as atividades relacionadas ao serviço de educação prestado pelo Estado, em cada unidade de ensino e em todas as atividades administrativas presenciais, foi estabelecida multa diária de R$ 200 mil, sem prejuízo das sanções e responsabilizações cabíveis.

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Carnaval de rua no Rio em 2021 é adiado

Governo libera entrada de estrangeiros em todos os aeroportos do país

Presidente Jair Bolsonaro está sem febre ou dor após cirurgia

Bolsonaro fará cirurgia em São Paulo nesta sexta

Copa do Brasil: Atlético-GO marca nos acréscimos e elimina Fluminense

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy