ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Sindicato dos professores pedirá ao prefeito a suspensão das aulas presenciais

Data: 07/03/2021

Reprodução internet

O presidente do Sinpro Teresópolis, professor Marcelo Barreto, entregará, nessa segunda-feira (08/03), ao prefeito Vinicius Claussen (PSC) e ao presidente da Câmara Municipal de Teresópolis, vereador Leonardo Vasconcellos (DC), a Carta dos Professores e Professoras sobre o agravamento da situação epidemiológica em Teresópolis, e pedindo o imediato fechamento de todos os estabelecimentos de ensino da rede particular do município.
O documento cita o Mapa de Risco, publicado pela Secretaria de Estado de Saúde RJ, atualizado no dia 03 de março de 2021, que mostra que a cidade encontra-se “em estado de Alto Risco (classificação Vermelha) para a COVID-19”.
Com isso, no documento, o Sinpro “Solicita o imediato fechamento de todos os estabelecimentos de ensino da rede particular de Teresópolis, em virtude do agravamento da situação epidemiológica da COVID-19 no município, até que a cidade apresente um retrocesso em seu Mapa de Risco (saia da bandeira vermelha), controle na transmissão de novos casos e Sistema Municipal de Saúde com possibilidade de atendimento aos pacientes do município”.


CARTA DO SINPRO PARA O PREFEITO VINÍCIUS CLAUSSEN


Sr. Excelentíssimo Prefeito,
O Sindicato dos Professores de Teresópolis, em razão dos seguintes fatos elencados abaixo:
• Agravamento da situação epidemiológica na cidade de Teresópolis. O Sistema de Saúde Municipal encontra-se no limite de sua capacidade de atendimento aos munícipes, situação esta informada à população diariamente pelo Gabinete de Crise através do “Boletim Coronavírus”. Temos que, em 06 de março de 2021, existiam apenas 02 leitos clínicos livres (o que representa aproximadamente 95% de ocupação) e nenhum leito de UTI COVID-19 disponível (o que representa 100% de ocupação de leitos UTI voltados para atendimento à COVID-19 na cidade);
• Ainda sobre a situação dos leitos UTI voltados para o atendimento à COVID- 19 na cidade de Teresópolis, cabe destacar a permanência do quadro de 100% de ocupação destes leitos repetidamente. Este fato tem gerado, inclusive, a necessidade de transferência destes pacientes para outros municípios;
• Aumento significativo do número de casos confirmados de COVID-19 na população teresopolitana. Conforme informações da Secretaria Municipal de Saúde, que são agregadas no aplicativo denominado “Painel COVID-19”, divulgado pelo Gabinete de Crise da cidade, verifica-se que, somente nos seis primeiros dias de Março de 2021, Teresópolis apresentou 729 casos confirmados da doença e 16 óbitos. Adicionalmente, segundo as informações do próprio Painel, a projeção para a evolução diária dos casos é crescente, indicativo da possibilidade de um aumento ainda maior do número de casos de COVID-19 na cidade, podendo pressionar ainda mais o Sistema de Saúde Municipal, que, no momento, já se encontra no limite de sua capacidade;
• Nova CEPA identificada em Teresópolis. Em nota divulgada em 06 de março de 2021, pelo Gabinete de Crise da cidade, foi informado à população caso de paciente do município contaminada pela variante P1 da COVID-19. É sabido que tal variante, assim como a variante P2, que também já foi identificada no Rio de Janeiro, possuem uma capacidade três vezes maior de contágio, fato associado a uma maior transmissibilidade da doença;
• Situação de Teresópolis no Mapa de Risco, publicado pela Secretaria de Estado de Saúde, atualizado no dia 03 de março de 2021. Conforme a publicação, Teresópolis encontra-se em estado de Alto Risco (classificação Vermelha) para a COVID-19;
• Casos conhecidos de profissionais da educação que, recentemente, testaram positivo para a COVID-19, e inúmeros estabelecimentos de ensino que estão retornando às atividades remotas tendo em vista a situação de agravamento da doença na cidade e a confirmação do contágio por essas novas variantes;
Solicita o imediato fechamento de todos os estabelecimentos de ensino da rede particular de Teresópolis, em virtude do agravamento da situação epidemiológica da COVID-19 no município, até que a cidade apresente um retrocesso em seu Mapa de Risco, controle na transmissão de novos casos e Sistema Municipal de Saúde com possibilidade de atendimento aos pacientes do município.
Atenciosamente,
Marcelo Guerra Barretto Presidente do Sinpro - Teresópolis
Teresópolis, 07 de março de 2021

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

A história de Teresópolis, através da imprensa

Aulas presenciais só voltam quando Teresópolis estiver em bandeira amarela

Município do Rio vacina professores da rede pública com 55 anos ou mais

Grandes empreendimentos comerciais em Teresópolis

Quatro mortes num acidente com Palio Weekend na noite desta sexta-feira

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy