ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Simone Jatobá avalia jogo-treino da Seleção Feminina Sub-17

Data: 04/08/2021

Após mais um teste com as meninas do Brasil, a técnica Simone Jatobá avaliou o desempenho da equipe e o andamento do trabalho na Granja Comary, em Teresópolis - Adriano Fontes/CBF

A Seleção Feminina Sub-17 realizou um jogo-treino contra a equipe sub-17 do Serrano Masculino. Após mais um teste com as meninas do Brasil, a técnica Simone Jatobá avaliou o desempenho da equipe e o andamento do trabalho na Granja Comary, em Teresópolis. “Acredito que foi um jogo muito positivo, elas tentaram jogar de igual para igual, fizemos trocas para que todas as meninas jogassem e tivessem tempo de jogo. As meninas são novas e sentem esse ritmo de jogo,” analisou Simone. Neste ano, a comandante da base feminina iniciou um novo projeto na categoria sub-17 com novas jogadoras em diferentes fases de desenvolvimento técnico, tático e físico. Vivendo a terceira convocação deste ciclo, Simone Jatobá acredita que a intensificação de jogos-treinos, como o de hoje, serão a chave para dar “casca” às atletas e melhorar o nível da Seleção.
“É neste ponto que elas começam a criar novos lastros, conseguem ter um pouco mais de firmeza e de casca, sendo um pouco mais duras. E é isso que a gente precisa. Então vamos criando um pouco mais de dureza nelas em bolas divididas e disputadas. Elas lutaram de igual para igual e eu acredito que foi um jogo bom para a gente ver onde precisamos trabalhar e corrigir. As derrotas, neste momento, não são importantes. Lógico que jogamos para ganhar, mas sabemos que no começo de um ciclo a gente não busca vitória, buscamos arrumar todos os setores, estarmos sincronizadas, compactadas para jogarmos na mesma direção,” concluiu a técnica.

Nanda recebe oportunidade
Com defesa crucial na disputa de pênaltis da final, Fernanda foi um dos destaques do Corinthians na conquista do campeonato. Depois do título, a goleira foi convocada pela primeira vez para a Seleção Feminina Sub-17.  O cenário era a final do Brasileiro Feminino Sub-16 2021. O Corinthians empatava com o Internacional por 1 a 1, e a decisão ia para os pênaltis. A goleira do Timão, Fernanda, que havia feito boas defesas no tempo regulamentar, pegava uma cobrança crucial, ajudando o seu time a conquistar o campeonato. Uma semana depois do título, Nanda viu seu nome pela primeira vez entre a lista de convocadas para a Seleção Feminina Sub-17. A goleira de 16 anos, em entrevista ao site da CBF, descreveu a sensação de receber sua primeira oportunidade com a Amarelinha, e destacou a responsabilidade de vestir essa camisa. “A sensação quando soube que tinha sido convocada foi de muita felicidade, eu fiquei em choque. Acho que agora tenho que ser mais responsável do que nunca, tomar cuidado com as redes sociais e com as minhas atitudes, pois, querendo ou não, eu ganhei um pouco mais de visibilidade”, disse Fernanda. A equipe fica em Teresópolis até esta sexta-feira, 16.

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Vulcão nas Ilhas Canárias poderia provocar tsunami no Brasil

Covid-19: mais 2,2 milhões de doses da Pfizer chegam a Viracopos

Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos

ONS informa que "apagão" não tem relação com crise hídrica

Tribunal de Contas do Estado aponta para rombo financeiro na prefeitura

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy