ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Sesc apresenta os dilemas da imigração em diversos cantos

Data: 18/11/2017

O Sesc RJ apresenta, neste mês de novembro, programação audiovisual cujo foco são os Imigrantes. São cinco títulos que trazem como conflito principal ou secundário a questão da imigração. Neles, os personagens que vivem em países diferentes de sua terra natal enfrentam dificuldades, preconceitos e vulnerabilidades decorrentes desse choque cultural. A programação será realizada em 16 unidades do Sesc RJ no Rio de Janeiro, entre elas a de Teresópolis. A entrada é gratuita. 
Nas obras exibidas, a questão da imigração aparece sobre diversos pontos de vista em diferentes regiões do mundo. Entre os filmes exibidos estão o francês Hipócrates, de Thomas Lilti; Quando meus pais não estão em casa, de Anthony Chen, que mostra a realidade de uma mulher filipina em Singapura; Terra Firme, de Emanuele Crialese, sobre náufragos ilegais na Itália; Era uma vez em Nova York, de James Grey, sobre a exploração de imigrantes europeias pós I Guerra Mundial; e À Sombra do vulcão, de John Huston, sobre um ex-cônsul britânico no México.  
Audiovisual no Sesc RJ Desde 2016, o Sesc RJ tem diversificado sua programação cinematográfica, propondo um circuito paralelo de exibição de filmes com pouca penetração nas salas de cinema. Com uma grade regular adequada ao perfil de cada unidade, a programação é composta por filmes com algum diferencial estético ou narrativo, que visam ampliar o imaginário audiovisual do público.

QUANDO MEUS PAIS NÃO ESTÃO EM CASA - Dia 19 - 15h
O filme é uma crônica de Singapura de 1997, e da relação entre a família Lim e sua recém-chegada empregada, Teresa. Como muitas outras mulheres filipinas, ela veio em busca de uma vida melhor. A presença dela na casa piora o relacionamento da família, já complicado.

TERRA FIRME - Dia 20 - 15h
Sicília, Itália. A família Purcillo vive em uma ilha remota, onde a maior fonte de trabalho é o turismo. Ernesto, o patriarca da família, ainda mantém seu barco de pesca, mais por razões sentimentais do que pela renda que consegue obter através dele. Já Nino desistiu de vez da pescaria e agora se dedica a entreter turistas. Um dia, Ernesto e o neto Filippo estão no mar e, ao perceberem que um barco naufragou, ajudam algumas pessoas. O problema é que o barco estava repleto de imigrantes ilegais e ajudá-los, mesmo nestas condições, é considerado crime. Vivendo entre o medo de serem flagrados e a necessidade de prestar ajudar, a família Purcello passa a abrigar em sua própria casa dois dos imigrantes: Sara e seu filho.

ERA UMA VEZ EM NOVA YORK - Dia 22 - 15h
Em 1921, as irmãs polonesas Magda e Ewa Cybulski partem em direção a Nova Iorque, em busca de uma vida melhor. Mas, assim que chegam, Magda fica doente e Ewa, sem ter a quem recorrer, acaba nas mãos do cafetão Bruno, que a explora em uma rede de prostituição. A chegada de Orlando, mágico e primo de Bruno, mostra um novo amor e um novo caminho para Ewa, mas o ciúme do cafetão acaba provocando uma tragédia.

À SOMBRA DO VULCÃO - Dia 26 – 15h
Cuernavaca, México, 1938. Geoffrey Firmin, um ex-cônsul britânico, torna-se alcoólatra após separar-se de Yvonne Firmin e resolve permanecer morando no México com seu meio-irmão, Hugh Firmin, o pivô da separação. Geoffrey sempre aguarda a volta da mulher e, no Dia de Finados, ela retorna repentinamente, com a finalidade de reatar seu casamento. Entretanto, as marcas da separação eram maiores do que ela imaginava. 

 

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Turismo: Aumenta o número de prestadores de serviço cadastrados

Segurança revitaliza pintura da sinalização de trânsito em cinco bairros

Vacinação para professores está mantida

Sine divulga 119 oportunidades de emprego em Teresópolis

Liberado o edital para o Vestibular Cederj em Teresópolis

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy