ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Secretário da Prefeitura de Teresópolis é flagrado com carro oficial fazendo compras

Data: 19/02/2019

Quando a Volkswagen lançou o moderno Bora, pensava em proporcionar aos seus consumidores o perfeito mix entre o conforto e a praticidade, ou seja, ao mesmo tempo em que seus usuários poderiam chegar a impressionante marca de 200 quilômetros por hora de velocidade máxima, também poderiam desfrutar de um volumoso porta malas com capacidade de 455 litros, ou seja, o ideal para quem compra bastante no supermercado. Mas esses benefícios todos são privativos de quem adquire um destes completos veículos como propriedade pessoal, sendo o mesmo de propriedade da administração pública, seu uso apenas se restringe aos compromissos relacionados ao órgão ao qual está vinculado e apenas no estrito cumprimento dos deveres do fim ao que se propõe. Muito diferente de um vídeo que circula pelas redes sociais que mostra um secretário da gestão Vinícius Claussen utilizando o veiculo oficial a ele confiado em compras com familiares num supermercados da cidade.
Pode até parecer que não tem regra para a utilização dos veículos oficiais, mas existe Lei que disciplina esse uso. Os servidores efetivos e os ocupantes de cargos comissionados podem, por lei, dispor de veículo oficial quando as atividades institucionais, administrativas e operacionais assim o exigirem e não existirem outros meios de deslocamento entre seu ponto de origem e de destino, ou quando estes, por algum motivo impossibilitem o eficiente desempenho de suas atividades. Atividades de representação institucional e o transporte institucional são objetivos primários dos veículos oficiais que são exclusivamente destinados ao serviço público, sendo vedada sua utilização para transporte de passageiros de cunho particular. Ainda de acordo com a norma, ao término da circulação diária inclusive nos finais de semana, os veículos serão recolhidos à garagem pública onde possam estar protegidos de danos, furtos e roubos, não se admitindo sua guarda em residências particulares, salvo raríssimas situações como em casos excepcionais de cessão de veículo a outros órgãos como a justiça eleitoral, entre outros.


Da mesma forma como nossa reportagem não recebeu informações com relação ao caso do novo sistema de abastecimento de veículos oficiais, retratado em nossa reportagem, também no caso em que o vídeo que circula pelas redes sociais retrata o servidor em momento de utilização do carro oficial em compromisso particular não recebeu resposta. Apesar de entendermos que não se trata de questão mesquinha, ou que tantas coisas mais sérias estão sendo tratadas no mesmo momento pela gestão pública, como gostam de justificar os defensores da falta de transparência corriqueira do setor de comunicação com a mídia local, insistimos que cometer ato como o descrito e mostrado no vídeo em questão, se trata de conduta improba e inconsistente com o ato público e para tal cobrarmos respostas.

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Aulas presenciais voltam quarta-feira, dia 12

Fiocruz investiga transmissão da covid-19 entre crianças e adultos

Secretaria de Saúde finaliza entrega de mais uma remessa de vacinas

Butantan entregou hoje mais 2 milhões de doses de vacina CoronaVac

Saúde distribui 1,12 milhão de vacinas da Pfizer a partir de hoje

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy