ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Saúde abastece postos para garantir vacinação contra Febre Amarela

Data: 20/01/2018

Subsecretário de Saúde Antônio Henrique enfatiza a necessidade de apenas uma dose da vacina para proteção contra o vírus da Febre Amarela - Foto André Oliveira

- Dia D de imunização confirmado para 27 de janeiro

Com a confirmação do quarto caso de Febre Amarela em Teresópolis seguem as ações das autoridades para ampliar a cobertura da vacinação e imunizar o maior número possível de pessoas contra a doença. Teresópolis fará parte do Dia D de combate à doença, agendado para 27 de janeiro, atendendo determinação da Secretaria de Estado de Saúde. Até a tarde desta sexta-feira, 19, havia quatro casos confirmados da doença em Teresópolis sendo um óbito em Prata dos Aredes e outros pacientes de Fonte Santa, Água Quente e Parque Ermitage.
O crescimento do número de casos provocou um êxodo da população aos postos de saúde. Com isso algumas unidades acabaram tendo seus estoques zerados. Segundo o subsecretário de Saúde do município, Antônio Henrique Vasconcelos, dez mil doses extras chegaram à cidade na última quinta-feira (18) para garantir a imunização da população. “Só para informar à população que nós observamos essa falta de vacina em alguns postos. Na quinta-feira nosso carro chegou do Rio trazendo mais dez mil doses que foram distribuídas nos postos. Todas as unidades foram abastecidas antes das 10h da manhã de sexta-feira”, garante. 

Mobilização para Dia D
Reunião realizada no dia 18 em Teresópolis entre representantes das secretarias municipais de Saúde e de Defesa Civil, da Coordenação Regional Serrana de Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros, deu início à montagem de um plano de intensificação do combate à febre amarela. A estratégia é que profissionais desses setores se mobilizem no atendimento à população em 27 de janeiro, instituído como o Dia D de combate à doença, conforme determinação da Secretaria de Estado de Saúde. “Na verdade nós vamos tentar antecipar ao máximo esse processo antes mesmo dia 27, que é uma data importante, de grande mobilização e nós vamos participar. Por determinação do prefeito e do secretário de Saúde, nós vamos trabalhar para vacinar o maior número possível antes do Dia D. Além dessas dez mil doses, o prefeito já entrou em contato com o secretário de Estado de Saúde e pediu outras 12 mil doses que devem chegar na segunda-feira (22)”, revela. O atendimento nos postos acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 17, em 13 postos da Estratégia de Saúde da Família e em seis Unidades Básicas de Saúde, na cidade e no interior. Unidades móveis percorrem localidades que não têm postos.

Dose única
O subsecretário esclarece que, quem já tomou uma dose da vacina contra a febre amarela não precisa buscar nova imunização. “Quem tomou a vacina está imunizado para o resto da vida. A Organização Mundial de Saúde já dá nota técnica de que basta uma dose da vacina contra a febre amarela, mesmo que essa dose tenha sido aplicada há mais de dez anos. Temos acompanhado casos de pessoas amedrontada e que estão buscando uma dupla proteção. Isso não existe. Há até um risco para quem toma a vacina duas vezes”, alerta. 
O último balanço parcial da Prefeitura, com números registrados até quinta-feira, 18, Teresópolis tem um total de 160.100 pessoas imunizadas, sendo 144 mil na área urbana e 16 mil na rural. O número corresponde a 91% do público alvo, entre moradores e turistas. 
“Não estamos trabalhando com doses fracionadas. Aplicamos doses integrais e todas as pessoas podem ficar despreocupadas”, garante o subsecretário Antônio Henrique. 

Casos
A Secretaria de Saúde informa que a Fiocruz confirmou o quarto caso da doença no município: o de um morador do bairro Fonte Santa, que segue internado em quadro estável na enfermaria do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, da Fiocruz. O paciente trabalha durante a semana em Paraíba do Sul, em região de mata fechada, e retornava para casa nos finais de semana. A Secretaria determinou a realização de ação de bloqueio na Fonte Santa, para intensificar a busca de quem ainda não se imunizou. Equipes dos postos da Estratégia de Saúde da Família da Fonte Santa e do bairro vizinho Quinta Lebrão atendem toda a população da região, inclusive avaliando idosos e outras contraindicações para a vacina da febre amarela.
Com isso, até a tarde de sexta-feira, 19, Teresópolis registrava 4 casos de febre amarela: de um morador de Prata dos Aredes (48 anos) e que veio a óbito; de um morador de Água Quente (64 anos); de um morador da Fazenda Ermitage (54 anos) e de um morador do bairro Fonte Santa (18 anos).
 Quanto aos casos suspeitos, o da moradora do bairro Frades (45 anos) foi descartado, mas ela se encontra internada devido a infecção urinária. Existe outro sob investigação pela Fiocruz: o de uma moradora do bairro Tijuca (63 anos).

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Veja as dicas da OMS para se proteger do novo coronavírus

Pessoas que tiveram contato com infectado por Covid-19 são monitoradas

Aumenta número de ocorrências de animais em estradas

Mesmo com chuvas, Prefeitura comemora "Carnaval Teresópolis 2020"

Coronavírus: ministro da Saúde descarta restrição a voos e cruzeiros

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ