ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Rio Rural é exemplo de desenvolvimento sustentável

Data: 13/11/2018

A Organização de Agricultura e Alimento das Nações Unidas avaliou 242 iniciativas e destacou o programa do Governo do Rio como importante para o fortalecimento das comunidades rurais - Imprensa/RJ

O programa Rio Rural, do Governo do Estado do Rio de Janeiro, foi selecionado entre as iniciativas mais inovadoras para o desenvolvimento rural sustentável da América Latina e Caribe, pela FAO (Organização de Agricultura e Alimento das Nações Unidas). O Rio Rural já beneficiou quase 46 mil produtores familiares em 373 microbacias hidrográficas de 78 municípios fluminenses, com incentivos para a adoção de práticas sustentáveis, harmonizando a produção de alimentos e a recuperação ambiental. A Organização de Agricultura e Alimento das Nações Unidas avaliou 242 iniciativas e destacou o programa do Governo do Rio como importante para o fortalecimento das comunidades rurais. O comitê de avaliação – formado por especialistas da FAO, do Instituto Interamericano de Cooperação para Agricultura, do Fundo de Inovação Social do Chile e da Comissão Econômica da América Latina e Caribe – selecionou os 12 vencedores.
Realizado em parceria com o Banco Mundial, o programa Rio Rural contempla agricultores com apoio técnico e financeiro na implantação de projetos econômicos nas diversas cadeias produtivas e ações ambientais com foco na gestão de recursos hídricos. Até o fim de 2018, a iniciativa terá investido um total de US$ 152 milhões em ações para a melhoria das práticas agrícolas.

Renda no campo
As ações do programa são responsáveis pelo aumento da renda no campo e melhoria das práticas agrícolas e ambientais, entre elas: pastejo rotacionado, plantio direto, sistemas agroflorestais, ordenha mecânica e tanques de resfriamento para leite. Como contrapartida, os beneficiários realizam ações de conservação ambiental em seus sistemas de produção. Entre os principais projetos incentivados estão a proteção de 8.290 nascentes, recuperação de mata ciliar e áreas de recarga hídrica. As práticas produtivas sustentáveis implantadas já abrangem 1,5 milhão de hectares.

Escoamento da produção agrícola
Com o objetivo de facilitar o escoamento da produção rural até os mercados consumidores, o governo do estado tem investido na recuperação e manutenção de estradas vicinais. O programa Estradas da Produção, da Secretaria de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, já beneficiou mais de 280 mil produtores rurais. No total, cerca de 3,3 mil quilômetros dessas vias foram recuperados em todo o território fluminense. Com uma extensa cobertura em todo o estado, o programa já beneficiou diretamente a população rural de 72 municípios, sendo nove no Norte, 14 no Noroeste, 16 na Serra, 15 no Sul e 18 na Região Metropolitana.
Segundo a Emater Rio (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Rio de Janeiro), responsável por executar o programa, a melhoria das condições das estradas vicinais também proporcionou a redução do custo de frete, da manutenção de veículos e do consumo de combustível, além de garantir o transporte de produtos em época de chuva.

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Teresópolis vacina contra Covid-19 homens e mulheres de 59 anos completos com comorbidades

Programa dá apoio a jovens para abrir ou aprimorar negócios próprios

Prazo para trocar cartões do Riocard termina no dia 14

Teresópolis vai criar o programa "Agricultor Legal"

Ministério da Saúde receberá 8,2 milhões de doses de vacina até sexta

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy