ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Prefeito "justifica" o "novo tipo de asfaltamento" aplicado nas ruas

Data: 19/08/2020

Mais uma vez os bueiros recebaram cascalhinhos e restos do material asfáltico. Adivinha onde vão parar? No rio Paquequer

O “tradicional asfaltamento” de vias públicas no início do segundo semestre de anos eleitorais já começou em Teresópolis. Desde a semana passada, equipes das secretarias de Obras e Serviços Públicos têm trabalhado a todo vapor, aplicando grossa camada asfáltica em algumas vias, como a Luiz Nogue Júnior, em São Pedro, Duque de Caxias, Jornalista Délcio Monteiro e Nilza Chiapetta Fadigas, na Várzea. Apesar da necessidade de melhoria, visto que tais ruas estavam há vários meses sem qualquer tipo de atenção por parte do governo municipal – na Duque de Caxias, por exemplo, havia grandes buracos em vários pontos desde o início do ano, os teresopolitanos foram para as redes sociais questionar a qualidade do serviço realizado pela “gestão”. Resultado de vários mandatos políticos com trabalhos parecidos, as ruas estão mais altas que o meio fio em vários pontos, fazendo desaparecer a proteção lateral das calçadas e consequentemente aumentando os riscos para os pedestres. Os caminhantes, aliás, agora devem ter mais atenção na hora de atravessar essas ruas: Em vários trechos foi deixada uma espécie de canaleta entre a pista de rolamento e passagem de pedestres, que podem tropeçar, cair e até serem atropelados caso não reparem o ressalto criado pela equipe da PMT.
“Entra prefeito e sai prefeito e nada parece mudar. Vem chegando a eleição e o asfalto começa a ser jogado de qualquer maneira na cidade inteira. Por  cima de parapelo, terra e asfalto velho, o que faz com que as ruas fiquem cada vez mais altas e o próprio asfalto seja arrastado no período de chuva. Onde está a novidade nisso?”, questiona a internauta Márcia Celestino, em contato com a redação do jornal O Diário.


Através da rede social Facebook, outro internauta, Thiago Queiroz, questionou diretamente o gestor sobre o assunto: “Prefeito, mas asfalto sobre asfalto? Isso não vai dar ruim? Fora a calçada que vai ficar mais baixa do que o asfalto”, atentou. E, logo em seguida, Vinicius Claussen respondeu, defendeu e justificou as ações realizadas pelos seus comandados nos últimos dias. “Thiago Queiroz, excelente pergunta. Com essa técnica há o aproveitamento da estrutura anterior do asfalto apenas para não haver desperdício. Além disso, deixamos um espaço sem asfalto nos cantos das ruas que funcionam como calhas naturais, gerando um bom caimento, pra não termos problema com acúmulo de água ou bolsões”, disse Claussen.
Mudou de opinião
Com a repercussão negativa devido ao tipo de trabalho realizado pelo governo municipal, começou a circular nas redes sociais um vídeo onde o prefeito Vinicius Claussen defende um serviço bem diferente do que o que tem sido visto. “Em relação ao asfaltamento acabaram se cometendo alguns crimes. Paralelo é uma identidade da cidade, faz parte da história, da cultura da cidade, permeável, mais adequada ao cenário de chuvas. onde raspar asfalto e voltar paralelo. Então está tudo sendo estudado com muito carinho e muita atenção”, prometeu o prefeito que, pelo visto, mudou rapidamente de opinião. A Rua Nilza Chiapetta Fadigas, antiga Cotinguiba, local onde no período de chuvas fortes costumam ocorrer alagamentos por conta do transbordamento do Rio Paquequer, recebeu nesta terça-feira uma grossa camada de asfalto para esconder os antigos paralelepípedos.

CRÉDITO E LEGENDA

Gilberto Oliveira


1, 5 ou 72

Na Rua Nilza Chiapetta Fadigas, antiga Cotinguiba, paralelos que eram defendidos pelo gestor foram cobertos

3 ou 64

Rua Jornalista Délcio Monteiro, na Várzea, foi uma das vias asfaltadas nos últimos dias pela PMT

7
Remendo no mínimo "curioso" realizado pela equipe da prefeitura em uma das ruas da região central do município

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Construção Civil começa a dar sinais de retomada

Turismo rural, um segmento rico em possibilidades

Detran.RJ prorroga prazo de licenciamento de veículos

Alta concorrência em vestibulares de medicina alerta para possibilidade de fraudes

Candidatos a prefeito já receberam quase 1 milhão de reais em doações

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy