ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Polícia Militar recupera produtos furtados em residência

Data: 29/11/2018

Por muito pouco morador de Varginha não perdeu quase R$ 3 mil em equipamentos e materiais para a bandidagem - Divulgação 30º BPM

Marcello Medeiros

O furto é um dos delitos com maior número de registros no setor de plantão da 110ª Delegacia de Polícia: 1.141 entre janeiro e outubro, segundo dados do Instituto de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro (ISP). Atrelado a ele está outro tipo de crime, a receptação – quando a pessoa compra algo obtido de maneira ilícita. Na última terça-feira, policiais do 30º BPM conseguiram prender e conduzir para a DP dois envolvidos nessas situações. Um por invadir uma residência na Estrada Isaías Vidal, em Varginha, região de Canoas, e outro por comprar um dos objetos furtados no local. 
A prisão aconteceu depois que equipes dos setores DPO São Pedro e Alfa foram destacadas para aquela região com o objetivo de apurar denúncias sobre o ataque a um imóvel por um criminoso. Na apuração dos fatos, os militares chegaram a um Ford Focus de cor azul onde estavam todos os objetos furtados da residência. Questionado, o motorista alegou que “apenas havia comprado um pulverizador de plantas”. Nisso, outro ocupante do veículo acabou confessando a autoria do furto e que na mala estava o restante do que havia sido furtado na residência.
Não fosse a ação rápida da Polícia Militar, os bandidos teriam dado grande prejuízo para o morador de Varginha. A relação do que foi retirado do imóvel é a seguinte: Uma botija de gás 13 kg, um balde cloro granulado HTH 10kg, 28 pacotes de pregos diversos, um balde, dois serrotes, um maleta contendo  uma furadeira SH, caixa com brocas, cinco formões, uma lima, dois martelos, dois níveis, um macaco, um bomba d'água Schneider, um bomba de sulfatar, um furadeira DeWalt, uma serra Makita, uma Esmerilhadeira Skil, um arco de serra , dois rolos de arame , uma bolsa com ferramentas diversas, seis rolos de fios, um barril com fios, um lava-jato Lavor SK, um maçarico, dois vidros de Glisofato Atanor 4, uma lata de verniz, um motor, um aquecedor Mundial e outros pequenos objetos. Todo o material, reconhecido pela vítima na delegacia, foi avaliado em aproximadamente R$ 2.600,00.
Além de ser autuado por receptação, crime que pode render até três anos de cadeia, assim como o furto, o motorista do Ford Focus ainda perdeu o veículo, pelo menos temporariamente: Como estava com a documentação irregular, foi apreendido e rebocado para o Depósito Público Municipal, em Três Córregos. Para reavê-lo, o receptador terá que pagar a documentação, possíveis multas e as taxas de reboque e depósito.

 

Compartilhar:






ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sociedade se mobiliza e cria Patrimônio Hídrico em resposta à degradação ambiental

TCE aponta vinte e quatro ressalvas nas contas de Tricano e Sandro Dias

Começam as aulas dos cursos de qualificação gratuitos em Teresópolis

Orquestra Solista do Rio e Natal de Repente embalam fim de semana

Lula vira réu em caso de Guiné Equatorial

        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ