ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Polícia investiga dois homicídios ocorridos nesta semana

Data: 24/07/2020

Na noite de quarta-feira, 22, agentes do 30º Batalhão de Polícia Militar (BPM) foram acionados para averiguar a comunicação de um crime ocorrido no Bom Retiro, em um terreno ao lado da Rua Tenente Luis Meirelles e, ao chegarem ao local, constataram a ocorrência do homicídio de um homem que não portava documentos. Além da gravidade do fato, a ocorrência chama atenção também pelas escassas informações a respeito do que aconteceu. Não foram divulgados os nomes dos envolvidos, nem sequer motivação do crime.
De acordo com o que foi apurado, o autor do crime seria um policial militar, morador de Teresópolis, mas que presta serviço no Rio de Janeiro. Ele aguardou a chegada dos policiais ao local e teria confirmado a eles ter efetuado o disparo que resultou na morte da vítima. 
O acusado foi então encaminhado para a 110ª Delegacia de Polícia para prestar esclarecimentos e teria permanecido em silêncio diante dos questionamentos dos policiais civis, por orientação de seu advogado, reservando-se ao direito de falar apenas em juízo. Ele ficou detido e em seguida foi encaminhado para a unidade prisional específica para policiais militares.
Nossa reportagem não conseguiu conversar com o delegado de plantão para tentar esclarecer ou pelo menos obter informações adicionais sobre mais este grave crime em Teresópolis.

Dois homicídios na semana
Este caso do Bom Retiro foi o segundo homicídio ocorrido nesta semana em Teresópolis, após Daniel Gallo, de 32 anos, ter sido assassinado a tiros nas primeiras horas da manhã de terça-feira, 21. Ele era filho do ex-vereador Ângelo Gallo, mais conhecido como “Anjinho”. O brutal assassinato aconteceu nas proximidades do quilômetro 27 da rodovia Teresópolis-Friburgo, a RJ-130, e da casa da vítima na localidade de Bonsucesso, Terceiro Distrito do município.
Também pouco se sabia sobre este caso de homicídio. O Corpo de Bombeiros, que mantém quartel próximo ao local, chegou a ser acionado. Porém, não houve tempo para atendimento médico. Após perícia do Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE), departamento técnico da Polícia Civil, o corpo de Daniel foi removido para necropsia no Instituto Médico Legal (IML), que funciona no antigo prédio da delegacia de polícia, na Avenida Alberto Torres, e posteriormente liberado para sepultamento. 
Informações que possam levar ao paradeiro do autor, ou autores do crime, podem ser passadas para os telefones 190 e 2742-7755. Não é necessário se identificar.

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

TSE recebe mais de mil denúncias de disparo em massa no WhatsApp

Rua esburacada prejudica moradores no Bairro de Santa Cecília

Parque Nacional inicia processo de reabertura da sede Teresópolis

"Teresópolis vai ser referência em UTI Neonatal no estado"

Merkel quer fechar bares e academias para conter covid-19 na Alemanha

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy