ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

PM diz que suposto caso de suborno no posto do BPRV "não procede"

Data: 24/10/2019

Vídeo teve milhares de compartilhamentos em redes sociais, sugerindo supostamente situação errônea na entrega da botija de gás. Polícia Militar analisou imagens e diz que denúncia "não procede"

Um vídeo envolvendo policiais do BPRV de Albuquerque em situação supostamente suspeita viralizou nas redes sociais, com milhares de compartilhamentos e centenas de comentários até meados da tarde desta quarta-feira (23), em locais como Facebook e WhatsApp. As imagens mostram um homem colocando uma botija de gás na mala de veículo, em frente a uma viatura, e, no áudio, a mulher que acompanha o motorista, sugere algo errado no procedimento. "Estou mexendo no WhatsApp. Se vier para cá eu saio da câmera", diz ela, completando com "olha até onde vai a malandragem da polícia".  Ao retornar, o homem comenta "Mais um gás para o espaço. Fazer o que, né?". "Manda quem pode, obedece quem tem juízo", reforça a pessoa que fez a gravação que foi publicada, entre outros, em vários grupos, gerando grande repercussão negativa. Buscando esclarecer a situação, entramos em contato com o Comando da Polícia Militar, através da Coordenadoria de Comunicação Social (CComSoc), que pediu que o vídeo fosse encaminhado para análise da corporação. No final da tarde, a Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar informou apenas que a situação “não procede”. Extraoficialmente, apuramos que, com a divulgação das imagens e tamanha quantidade de visualizações e comentários sobre o vídeo amador, cuja data e horário são desconhecidos, a empresa teria informado ter feito a doação de uma botija de gás, negando qualquer espécie de suborno para liberação do caminhão.

Importância do BPRV
O posto do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual na Estrada Teresópolis-Friburgo foi inaugurado em julho passado, com a presença de membros do governo municipal e da Polícia Militar. “O destacamento vai atuar no combate a crimes relacionados com o tráfico de drogas e armas, roubo de veículo e na fiscalização contra sonegação fiscal”, informou O Diário na ocasião. O posto do BPRv funciona na cabine que já foi ocupada pelo 30º BPM anteriormente, mas estava desativada há alguns meses. Através de uma parceria com a prefeitura, o local passou por uma reforma para poder abrigar o trabalho dos policiais. Na ocasião foi explicado também que o retorno da atuação da polícia rodoviária para RJ-130 faz parte da estruturação de um cinturão de segurança que o governo do estado quer estabelecer para garantir a repreensão da entrada de armas e drogas.

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Petrobras reajusta em 5% preço do gás de cozinha

Guarda Municipal registra mais de 18 mil ocorrências em maio

Covid-19: país distribui 3 milhões de testes; 1 milhão são analisados

Covid-19: Brasil tem 614.941 casos; total de mortes chega a 34.021

Ibama pode contratar 1.481 trabalhadores temporários

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy