ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Padrão Águias distribui mudas de árvores

Data: 25/09/2018

Cleiton Pimentel, fundador do Padrão Águias, enfatiza grande importância do projeto para a conservação ambiental -Divulgação

Marcello Medeiros

A organização Padrão Águias da Aventura Objetiva deu mais um belo exemplo de cidadania a ser seguido pelos teresopolitanos. Sob o comando do seu idealizador, Cleiton Pimentel, na manhã do último domingo (23), o primeiro da Primavera e em homenagem ao mês da árvore, integrantes expedicionistas, técnicos em meio ambiente, biólogos e convidados percorreram a famosa Feirinha do Alto para entregar mudas de árvores nativas e alguns exemplares de pomar produzidas nas incubadoras do projeto Banco de Mudas. Quem passou pelo local recebeu das mãos da equipe um folder explicativo sobre o empreendimento de Educação Ambiental e uma muda de árvore de sua preferência.
O público presente se encantou com a proposta e parabenizou a iniciativa da instituição, criada em 1985 em Teresópolis. Foram distribuídas 250 mudas de árvores nativas e árvores frutíferas de pomar, tais como: Paineira Rosa, Ipê Amarelo, Urucum, Fruta do Conde, Nêspera Amarela e Amora. Logo nas primeiras horas do dia, vários turistas e feirantes puderam conversar com as equipes dos Águias que se distribuíram em todos os espaços do comércio e atrativo turístico.
O Projeto Banco de Mudas é uma iniciativa do Padrão Águias da Aventura Objetiva para atuar no reflorestamento de áreas degradadas, consolidando a preparação de mudas de espécies nativas da Mata Atlântica e outras formas de vegetação a partir de seleção de sementes cuidadosamente germinadas e plantadas em copinhos plásticos reutilizados. “Em consequência, a Instituição também alia à produção de mudas na alternativa sustentável na gestão do resíduo sólido a partir de reutilização de copinhos de plástico de polipropileno. A maior parte desses copinhos são descartados inadequadamente em vias públicas e causam entupimentos em bueiros, causando alagamentos, além de permanecerem por muitos anos no meio ambiente”, destaca Pimentel.

500 mil mudas
A produção de mudas de árvores e outras plantas possibilita a geração de renda para pessoas, grupos e instituições para a sua manutenção, além de potencializar o plantio de árvores. Recentemente, em dezembro/2017, a Agência Nacional de Águas (ANA), outorgou certificado do Prêmio 2017, citando as iniciativas do Projeto como contribuição para o fortalecimento de boas práticas na gestão dos recursos hídricos na categoria de Organizações Civis. Tal Prêmio visa o reconhecimento de ações e iniciativas para o desenvolvimento de uma cultura preservacionista e cuidadora dos recursos hídricos no país, além de incentivar boas práticas na gestão das águas.
Pessoas, empresas e autoridades públicas apoiam as iniciativas sustentáveis do Banco de Mudas. O projeto já produziu cerca de 10 mil árvores e possibilitou o recolhimento de cerca de 500 mil copinhos, além de ter mobilizado comunidades acadêmicas científicas, autoridades públicas, empresas responsáveis, grupos organizados, instituições religiosas, pessoas e comunidades. “No cumprimento de atitudes de responsabilidade com o Planeta o Padrão Águias está sempre inovando em ações de educação ambiental incentivando e mostrando como se faz acontecer a partir de compromisso com a qualidade de vida de todos”, enfatiza Pimentel.
A apoiadora Jaciara Santos, Gestora Ambiental, responsável pela gestão do projeto destaca a dimensão alcançada através de um trabalho organizado que mostra resultados. Jaciara é o destaque de estrutura cidadã ao encampar a sua família para abraçarem os ideais da instituição, demonstrando aos seus filhos a identidade do bom exemplo.
“A comemoração ao Dia da Árvore e a chegada da Primavera são um chamamento público para a sensibilização humana sobre a importância de se preservar a integridade do clima e a proteção de mananciais. É de extrema importância de se adotar uma postura responsável diante das necessidades humanas reduzindo sensivelmente o consumo desnecessário e destinando corretamente os resíduos sólidos, como é o caso dos copinhos de plástico, que se tornam um grande problema quando são desprezados no meio ambiente. O Mestre finaliza observando que muitas iniciativas custam apenas a tomada de atitudes e valores que devem ser cultivados numa sociedade artificialista, consumista e muitas vezes alienadas da essência da vida”, finaliza o Mestre dos Águias. Para saber mais sobre o projeto e como conseguir as mudas a dica é conhecer a sede da ONG, na Avenida Delfim Moreira, 604, sala 202, no Centro. Os telefones para contato são 2743-6334  e (21) 99687-5634 (WhatsApp).

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Em dia de calor, praias cariocas registram aglomeração

TSE: em pronunciamento, Barroso pede cuidado com pandemia e fake news

Campanha das eleições municipais começa neste domingo

TSE recebe mais de 517 mil pedidos de candidatura para eleições 2020

TRT-RJ suspende Palmeiras e Flamengo devido a infectados pela covid-19

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy