ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Números do Covid-19 se tornam alarmantes em Teresópolis

Data: 26/06/2020

Marcus Wagner

A situação da pandemia do Covi-19 em Teresópolis está novamente chegando a um índice alarmante, de acordo com os dados divulgados pelo painel que divulga a evolução do novo coronavírus na cidade, onde a ocupação de leitos informada já ultrapassa 70% e o índice de isolamento já está abaixo dos 40%, deixando claro que o revezamento de CPF já não está surtindo  o efeito alardeado pela prefeitura. Essa situação, somada ao grande número de pessoas que andam nas ruas sem usar máscaras e formação de aglomerações em vários locais da cidade, trazem a preocupação de que muito em breve Teresópolis tenha que decretar um novo fechamento das empresas, endurecendo novamente as ações da quarentena. 
Há pouco mais de duas semanas, o município foi colocado em uma nova etapa visando a retomada, porém ainda existem regras a serem seguidas, que aparentemente são ignoradas por muitas pessoas. Essa situação é tão preocupante que chegou a entrar em debate na Câmara de Vereadores em que os parlamentares cobraram maior efetividade nas ações de fiscalização da prefeitura, principalmente quanto ao uso de máscaras.  Rony Carreiro e Cláudia Lauand chegaram a sugerir a cobrança de uma cesta básica para aqueles que descumprirem as determinações.


Nossa reportagem flagrou na tarde desta quinta-feira, 25, vários exemplos de desrespeito à obrigação de usar máscara nas ruas do centro da cidade, com muitas pessoas conversando de perto, entrando em estabelecimentos comerciais e até moradores de rua abordando as pessoas que tentavam se desvencilhar com receio de contaminação. 
É fato que não se vê uma fiscalização atuante da prefeitura nas ruas para coibir a falta do uso de máscaras e essa displicência pode custar muito caro, caso se torne necessário novamente paralisar as atividades do município. Além disso, não foram abertos novos leitos de UTI como prometido por Vinicius Claussen.
Desta forma, está mesmo única e exclusivamente por conta das empresas privadas darem a incumbência aos seus funcionários fazerem a verificação do CPF dos seus clientes, transferindo assim sua responsabilidade e gerando trabalho a mais para os comerciantes.  
Vários municípios pelo país que optaram por retomar as atividades, estão novamente tendo que decretar as regras mais rígidas com proibição de funcionamento de estabelecimentos e transportes por conta de uma nova onde de aumento de casos.

Vereador critica situação
Na sessão da Câmara de Vereadores desta quinta-feira, 25, o parlamentar Maurício Lopes chamou a atenção para esta situação e chamou de incompetência da prefeitura esta nova escalada de aumento de casos em Teresópolis.
O Prefeito Vinicius Claussen autorizou a segunda onda de reabertura das atividades econômicas em Teresópolis a partir do dia 8 de junho, devido ao município ter atingido a taxa de 55% de ocupação de leitos UTI dias antes. Assim, comércio, prestadores de serviços, restaurantes, lanchonetes e bares, centros comerciais, shoppings (sem atividades coletivas e recreativas) e atividades de organizações religiosas foram liberadas, mas com o passar dos dias, o que se vê é um aumento expressivo no número de casos diários, internações e mortes.
Realizar fiscalização contra descumprimento de regras para evitar a proliferação do vírus não é algo tão difícil de se organizar, de acordo com o exemplo de municípios do estado de Minas Gerais, que passaram a contar com agentes da Polícia Militar na abordagem de quem não estiver utilizando máscara, podendo até realizar a confecção de um boletim de ocorrência.

Proposta de multa com cesta básica
Causou grande repercussão nas redes sociais a proposta surgida na sessão da Câmara de Vereadores da última quarta-feira, 23, sobre a possibilidade de multar com a cobrança de uma cesta básica as pessoas que não estiverem utilizando máscaras nas ruas de Teresópolis. O vereador Ronny Carreiro destacou que é necessário que o governo municipal tome uma atitude firme após o município registrar 53 novos casos do Covid-19 em 24 horas, com o intuito de evitar que o município tenha que voltar a fechar o comércio e empresas.
Ronny relatou durante a sessão que verificou que vê muitas pessoas  caminhando, correndo e andando de bicicleta que não utilizam máscara, o que classificou com uma falta de respeito pela possibilidade de ajudar a proliferar o covid-19. 
“Uma pessoa caminhando, espalha o covid por cinco metros, uma pessoa correndo espalha por dez metros e de bicicleta espalha vinte metros. É muito importante que a população se conscientize que tem que usar a máscara, mas tem que ter fiscalização. Até agora eu não vi ninguém multado por não usar máscara. É uma falta de respeito com o próximo. A pessoa tem que usar a máscara não só para se proteger, mas também para não contaminar seu semelhante. No final de semana, no Soberbo, a situação metia medo porque tinha várias pessoas correndo ou fazendo caminha e todo mundo sem máscara”. 


O vereador destacou anda que o município vem em um momento de retomada gradual das atividades após meses de paralisação e que tudo isso pode regredir caso a população não tome os devidos cuidados. “Passamos por um sacrifício de isolamento social, fechamos comércio e agora o povo está esquecendo. Fui na Fonte Santa no sábado e vi churrasco na beira da rua e todos lá sem máscara, sem respeitar o distanciamento. O povo tem que tomar consciência, usar máscara e fazer o distanciamento, o que não está acontecendo. A partir do momento que a fiscalização apertar e multar realmente, a população vai passar a ter medo e parar de andar sem máscara”.

Posicionamento da PMT
Nossa reportagem entrou em contato com a assessoria de comunicação da prefeitura para saber se já houve a aplicação de multas para pessoas que não utilizam máscaras, porém não recebemos resposta até o fechamento desta edição.

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Professores fazem carreata contra volta às aulas no estado de SP

Câmara aprova MP que suspende cumprimento mínimo de dias letivos

Covid-19: Teresópolis tem 75% dos leitos UTI ocupados

Presidente Jair Bolsonaro testa positivo para covid-19

Com aumento de mortes, Miami volta a fechar restaurantes

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy