ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Novos radares começam a operar nas estradas estaduais

Data: 09/04/2019

Divulgação

Marcello Medeiros

O Departamento Estadual de Estradas de Rodagem (DER-RJ) informou nesta sexta-feira que o primeiro lote com 43 novos radares de controle de velocidade do DER-RJ começaram a operar nas rodovias estaduais do Rio de Janeiro a partir da última segunda-feira (8) na Teresópolis-Friburgo, a RJ-130, e também nas rodovias 116, 122, 174, 182 e 186. Os equipamentos de fiscalização eletrônica de velocidade, para efeito de penalidade, fiscalizarão as rodovias, diariamente, das 6h às 22h, seguindo a nova legislação.
Ainda segundo o DER, os radares, além de ajudar a reduzir acidentes, foram implantados em pontos com alto índice de acidentes, densidade demográfica elevada, proximidade de escolas, hospitais e trechos com frequentes atos de desrespeito à sinalização. "Os radares têm um caráter educativo e podem salvar vidas", diz o diretor de Operação e Monitoramento e Controle de Trânsito, José Luiz Teixeira da Silva.
Todos os trechos foram sinalizados com placas de velocidade máxima permitida, que variam entre 50 e 60 km/h, de acordo com as necessidades de cada rodovia. Logo, motoristas de veículos que excederem os limites estabelecidos serão autuados. Até o final de abril, serão instalados ou substituídos por novos 256 radares do DER nas rodovias estaduais do estado. Na próxima semana, será divulgado um novo lote que entrará em funcionamento para a fiscalização. "O objetivo é fazer com que os condutores reduzam a velocidade, contribuindo, sempre, assim para a diminuição do número de acidentes em nossas rodovias", disse o presidente do DER-RJ, Uruan Cintra de Andrade.

Os radares da RJ-130
Na Teresópolis-Friburgo os equipamentos estão nos seguintes quilômetros: 3,5; 6; 27,3; 29; 32; 35 e 54, estes nos dois lados da via, e somente em uma das faixas no 55,9; 64,9 e 67. Os três últimos já ficam na área de Nova Friburgo. Os dois primeiros citados ficam em áreas urbanas de Teresópolis, Vale Feliz e Albuquerque, em locais onde anos atrás havia equipamentos semelhantes. Os atuais são do modelo que sinaliza ao motorista a velocidade praticada no trecho. No caso do radar habilitado no quilômetro 29, na região de Vieira, moradores questionam a proximidade de um trecho de curva.

Rodovias federais
O presidente Jair Bolsonaro disse esta semana ter barrado a instalação de mais de oito mil radares eletrônicos em estradas do país, alegando que o objetivo principal da instalação é arrecadar recursos para os estados. “Após revelação do @MInfraestrutura de pedidos prontos de mais de 8.000 novos radares eletrônicos na rodovias federais do país, determinei de imediato o cancelamento de suas instalações. Sabemos que a grande maioria destes têm o único intuito de retomo financeiro ao estado”, escreveu o presidente em sua conta oficial do Twitter.
Bolsonaro disse ainda que no momento de renovação dos contratos de rodovias concedidas, fará uma avaliação sobre a necessidade de que radares já instalados continuem onde estão. “Ao renovar as concessões de trechos rodoviários, revisaremos todos os contratos de radares verificando a real necessidade de sua existência para que não sobrem dúvidas do enriquecimento de poucos em detrimento da paz do motorista”, disse.

 

Compartilhar:






ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sarampo: Aberto período de vacinação preventiva

Defesa diz que Cabral corre riscos em Bangu 8 e pede transferência

Quarta etapa do "Recicla Terê Eletrônicos" neste sábado

Implantação de turno único em escolas da rede estadual

Semana termina com 64 oportunidades de emprego

        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ