ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Moradores do interior fazem protesto contra transporte público

Data: 15/03/2018

Moradores do interior protestaram na sessão da Câmara nesta quinta-feira

Anderson Duarte

Um grande grupo de moradores do interior do município ganha as ruas hoje, 15, para protestar contra o serviço prestado pela empresa Viação Teresópolis nos últimos meses. Segundo os usuários das linhas que atendem ao interior, cortes em diversos horários, mudanças em itinerários, ausência de acessibilidade nos ônibus e diversos outros problemas estariam penalizando aos cidadãos que dependem deste tipo de serviço para se locomover. Ainda de acordo com os organizadores do protesto, uma carta de reivindicações sociais será entregue aos vereadores da cidade, durante sessão ordinária da Casa, para que os mesmos possam instaurar uma comissão que verifique in loco, a quantidade de irregularidades pela população contatada. Depois de seguirem da Rodoviária para a Câmara, o grupo espera conseguir espaço de reivindicação também no Poder Executivo, quem assina e determina os trajetos, tarifas e quaisquer outras mudanças instituídas no setor.
Diz o comunicado oficial do grupo: “Comunicado Importante! Comunicamos a todas e todos que faremos um ato em protesto contra a Viação Teresópolis! Nós não aceitamos os absurdos de cortes de horários, e as mudanças que tem prejudicado a todos nós! Lutamos por acesso para cadeirantes, para que todos tenham acesso ao transporte. Vamos lutar pelos nossos direitos! Nos encontraremos às 8:00h da manhã na Rodoviária de Teresópolis e às 10:00h caminharemos até a Câmara Municipal para cobrar das vereadoras e vereadores que se posicionem e cumpram a sua função de nos representar! Lembre-se, não adianta reclamar e não agir. Vamos lutar pelos nossos direitos de mãos dadas, pois só a luta  muda a vida!”, diz o recado deixado pelas redes sociais ao longo das últimas semanas. O grupo também se reuniu recentemente na localidade de Bonsucesso, onde na Praça da escola Francisco Maria Dalia, registraram a participação de dezenas de usuários insatisfeitos com o transporte público na região.
Uma das principais queixas diz respeito ao acesso dos cadeirantes aos carros. Segundo a ANTT, Agência Nacional de Transporte Terrestre, cabe ao INMETRO, certificar se o ônibus está adaptado e dentro das exigências para rodar de acordo com a legislação. São algumas destas normas exigidas, a passagem em nível, dispositivo de acesso instalado na plataforma de embarque interligando-a ao veículo, dispositivo de acesso instalado no veículo, rampa móvel colocada entre veículo e plataforma, plataforma elevatória ou cadeira de transbordo, entre outras, que não estariam sendo cumpridas. O cumprimento dos horários em diversas linhas também é reclamação recorrente, e amplamente exposta em publicações das comunidades do interior no Facebook. Algumas pessoas ficam até duas horas a espera da condução com a implantação de algumas mudanças. Também ilustra as queixas o fato destas mudanças terem sido implantadas de forma unilateral, sem que tenham sido consultados os usuários.
“Gente, a rotina enfrentada por cadeirantes que usam o transporte público aqui na nossa região é lamentável de tão triste. A impressão que se tem é que a região do interior não faz parte das regiões onde a Lei exige a adaptação para acesso dos cadeirantes, como se nós não existíssemos. Nenhum carro tem a rampa de acessibilidade. Sem contar o tradicional problema de motoristas que passam direto quando avistam cadeirante no ponto. Sem contar que esses motoristas não possuem treinamento para lidar com cadeirantes”, lamenta uma moradora que expos nas redes sociais seu descontentamento com o serviço prestado no bairro de Vieira. “Infelizmente, temos muitas leis que não são cumpridas e no transporte público, que é algo fundamental, esse cumprimento deveria ser melhor fiscalizado. É preciso cobrar que ele funcione, é um dever de todos nós”, acrescenta a moradora.
Também revoltado com a situação, um internauta que segue nossas redes sociais deixou o seguinte desabafo em nossa FanPage: “A empresa Viação Teresópolis retirou diversos horários de ônibus e fez alterações que em nada vão ajudar a nossa população e sim prejudicar, e muito. O desrespeito já vem de longa data com atrasos e a falta de ônibus, sem contar que a maioria dos horários estão sempre lotados. A Viação Teresópolis mais uma vez vem prejudicando os trabalhadores e estudantes que dependem da condução para ir trabalhar e estudar. Se não querem manter o serviço e oferecer o ônibus porque não dão espaço pra outras empresas? Com certeza tem alguma querendo atender melhor a população do interior. Até quando vamos ter que aguentar isso?”, questiona o morador.

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Prefeitura de Teresópolis libera reabertura dos parques

Anticorpos contra covid-19 duram pelo menos sete meses, mostra estudo

Aos 80 anos, Pelé é homenageado pela Fifa

Eleições: PF usará drones para flagrar crimes como boca de urna

Estado repassa mais R$ 371 milhões para as prefeituras fluminenses

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy