ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Mais uma ´operação remendo´ na Carmela Dutra

Data: 17/04/2019

Moradores do bairro chegaram a reclamar com os trabalhadores da forma que o serviço estava sendo feito - Marcello Medeiros

Quem passa em frente ao número 425 da Rua Carmela Dutra, em Agriões, encontra um asfalto liso, bonito, com resquício de uma faixa de pedestres e um quebra-molas – artifício utilizado para reduzir a velocidade de veículos e que não existe em nenhum outro ponto da citada via, aliás. Porém, a expectativa de continuar encontrando um calçamento adequado em importante rua acaba rapidamente. A obra em questão foi realizada por um empresário com o objetivo de ligar sua loja ao estacionamento, do outro lado. O restante da Carmela Dutra está uma verdadeira “colcha de retalhos” e, nesta terça-feira (16), recebeu mais alguns “remendos” feitos à moda pelo governo Vinicius Claussen.
Orientados pelo gestor da secretaria municipal de Obras e Serviços Públicos, que por sua vez responde às ordens do prefeito, funcionários públicos espalharam asfalto em vários pontos onde havia crateras ou desníveis que tiravam o sono dos motoristas. No questionado serviço, o que chama bastante atenção é que ele se repete em menos de dois meses: A prática de “jogar piche” nos buracos termina na primeira chuva, fazendo com o que o resto de camada asfáltica utilizado pela “gestão” vá parar dentro dos bueiros. A prática não é nenhuma novidade, já foi utilizada por outros prefeitos. Porém, para quem disse em campanha que “não falta dinheiro, mas falta gestão” e se dizia “contra a velha política”, o serviço realizado nesta terça mostra as promessas foram levadas pelo vento. Ou pela chuva, como o cascalho com piche utilizado pouco tempo atrás nessa mesma rua...
Através das redes sociais, os contribuintes teresopolitanos, muitos inclusive dos que acreditaram estar elegendo “algo novo”, se posicionaram contra o precário serviço que leva a assinatura Claussen. Veja alguns dos comentários feitos na página do jornal O Diário de Teresópolis e Diário TV: Stenio Soares – “A rua tem no máximo uns 800m, serviço porco esse ‘tapa buraco’, mal feito e ineficaz. Tinha que fazer tapa buraco em frente aos restaurantes do Alto, ali parece porcelanato e se abrir um buraco é tudo refeito rápido. Cartão de visita de qualquer cidadezinha é a iluminação e asfalto”;  Angela Balsini – “Por quê não fazem um serviço decente no asfaltamento da cidade inteira?”; Carlos Henrique Alves – “Nada contra essa ação tapa buracos, mas seria melhor recapear a rua toda, até porque é uma rua pequena, serviço de lambão”; Carlos Eduardo de Melo – “Serviço com a cara do prefeito”; Tatiana Machado – “Vinicius Claussen espero que o asfalto cegue no Fischer, por favor. Os buracos da Carmela Dutra não fazem cócegas nas crateras que existem na minha rua! Por favor, olhe para as comunidades”.

EXPECTATIVA X REALIDADE: O bonito asfalto, com direito a sinalização e quebra-molas, foi realizado por um empresário apenas no trecho que atende ao seu estabelecimento. Já o “tapa-buraco” que leva a assinatura de Vinicius Claussen não deve durar muito tempo... Na primeira chuva, mesmo fraca, o “piche” é arrastado para dentro dos bueiros - ​Marcello Medeiros

 

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Turismo: Aumenta o número de prestadores de serviço cadastrados

Segurança revitaliza pintura da sinalização de trânsito em cinco bairros

Vacinação para professores está mantida

Sine divulga 119 oportunidades de emprego em Teresópolis

Liberado o edital para o Vestibular Cederj em Teresópolis

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy