ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Mais um grave acidente, mais duas vidas perdidas no trânsito

Data: 21/11/2019

Após atingir e destruir quase que totalmente o Ford Fiesta, caminhão tanque saiu da pista e caiu em barranco ao lado do acostamento. Por muito pouco, não terminou dentro do Rio Preto - Cacau Repórter

Mais uma semana marcada por graves acidentes de trânsito em Teresópolis. Pouco tempo após o registro de duas mortes no quilômetro 06 da estrada que liga nosso município a Nova Friburgo, a RJ-130, aconteceu colisão que terminou com mais duas vítimas fatais, agora no quilômetro 58 da BR-116, a Rio-Teresópolis x Além Paraíba, em trecho conhecido como Rio-Bahia. No início da tarde desta quinta-feira (21), dois ocupantes de um Ford Fiesta de cor preta morreram após o carro ser violentamente atingido por um caminhão na localidade de Ponte Nova. Após o choque, o veículo de carga, equipado com tanque de combustível, saiu da pista e caiu em barranco – por muito pouco não afundando no Rio Preto, que estava bastante volumoso por conta das chuvas registradas nas horas anteriores ao acidente.
Até o fechamento desta edição, não havia a identificação das vítimas fatais. O Fiesta ficou com a frente completamente destruída, com várias partes da suspensão e motor espalhadas pelo acostamento entre o trecho que ele foi atingido pelo caminhão até onde parou, no acostamento. O condutor da carreta, que seguia sentido Rio de Janeiro, foi atendido por equipe médica da Concessionária Rio-Teresópolis e encaminhado para o pronto socorro do Hospital das Clínicas Constantino Ottaviano (HCTCO). O Corpo de Bombeiros foi acionado para auxiliar no resgate e realizar procedimentos para evitar que outros acidentes fossem registrados.
“Triste, eu estava logo atrás do carro de passeio. Vi o caminhão perdendo o controle e pegando o carro. Parei e fui até o carro, mas infelizmente já estavam sem vida, aí corri e socorri o motorista do caminhão de combustível”, relatou o motorista David Andrade. Os corpos das vítimas ficaram no local por um longo período, até a realização de perícia do Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE) e remoção para o Instituto Médico Legal (IML), onde foram necropsiados e liberados para sepultamento.

Mortes na RJ-130
Na terça-feira à noite, Manuela Santana, de 20 anos, e Valter da Silva, de 37, morreram em situação semelhante. Eles estavam em uma Fiat Uno de cor cinza que colidiu frontalmente com um caminhão no quilômetro 06 da Teresópolis-Friburgo, em Albuquerque. Nesse caso, o motorista do carro de passeio teria perdido o controle da direção e atingido o veículo de carga, que seguia para o Ceasa. Não houve tempo para atendimento médico e as circunstâncias do acidente ainda são desconhecidas.

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Moraes nega habeas corpus à viúva da Mega-Sena

Saiba se você terá direito ao saque de R$ 998 no FGTS

Maioria do STF vota por criminalizar não pagamento do ICMS declarado

Bolsonaro sanciona lei que aumenta limite do saque imediato do FGTS

Produção de ovos de galinha bate novo recorde no país, diz IBGE

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ