ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Hospital São José com nova tecnologia para raio X

Data: 17/04/2018

Dr. Roberto Pinto ressaltou que as imagens podem ser acessadas remotamente - Divulgação HSJ

O Hospital São José conta agora com exames de raio X digitais. Agilidade, preservação do meio ambiente e segurança para o paciente são alguns dos benefícios trazidos com a tecnologia, que envia as imagens diretamente para o servidor do Hospital. Segundo Dr. Roberto de Lima Pinto, responsável pelo setor de raio X, o HSJ é o primeiro hospital na cidade a adotar o exame digital.      “Utilizamos três tipos diferentes de ferramentas para captação das imagens: CR (via chassi de fósforo), Raio X Portátil e Raio X Fixo (via placa wireless). De todas as formas, as imagens são encaminhadas ao nosso servidor por meio do sistema de controle e gestão de exames PACS. Com isso, não é necessário revelar o Raio X quando utilizado por algum médico do hospital para diagnosticar um paciente, pois o profissional consegue acessá-lo em seu computador. Isso traz mais rapidez ao atendimento”, explicou Dr. Roberto.
Além de evitar a exposição do meio ambiente aos químicos reveladores e fixadores e ao cristal de prata, necessários para produção da película, o raio X digital reduz o uso de papel, uma vez que os laudos também não precisam ser impressos. Outra importante vantagem é a diminuição da exposição dos pacientes à radiação. “Quando ocorre algum problema na resolução das imagens podemos ajustá-las diretamente no sistema, evitando a repetição do exame. As imagens também possuem melhor qualidade, o que facilita o diagnóstico”, concluiu.
Com o armazenamento digital dos raios X os exames podem ser arquivados em até cerca de 20 anos no servidor, conforme explicado pelo médico radiologista Roberto. “Assim evitamos, também, a guarda de um alto volume desses exames físicos, além de poder verificar exames antigos para comparação de resultados. O acesso também pode ocorrer remotamente, o que é altamente vantajoso em casos de emergência, por exemplo”, disse. 
Outro ponto de destaque é a realização de exames em pacientes com pouca mobilidade, como os internados em UTIs. “Já contávamos com o raio X Portátil para fazê-los no local onde os pacientes estão. No entanto, era necessário revelar o exame para então confirmar se poderia ser utilizado. Agora, com o raio X digital, visualizamos se a imagem está nítida por meio de notebook no mesmo local, o que torna o processo mais ágil”, completou.        

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Rio de Janeiro regulariza aplicação da segunda dose da CoronaVac

Cientistas criam testes de covid-19 com resultados em tempo recorde

Saúde diz que já distribuiu 90 milhões de doses de vacina contra covid

Sine Teresópolis ainda tem 134 vagas de emprego

PRF prende homem que transportava pássaros silvestres

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy