ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Guapimirim adere ao projeto "Dezembro Vermelho"

Data: 05/12/2019

Além da campanha, a Secretaria de Saúde vai promover também a Semana Municipal de Luta Contra a AIDS - Divulgação

A Prefeitura de Guapimirim aderiu ao “Dezembro Vermelho”, mês que marca a luta contra a AIDS e busca auxiliar no combate do preconceito que os portadores de HIV — vírus humano de imunodeficiência — sofrem na sociedade por causa da doença. Com isso, a Secretaria de Saúde vai promover também a Semana Municipal de Luta Contra a AIDS. Diversas atividades de promoção e prevenção às Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) serão realizadas na Praça da Emancipação, nos dias 05 e 06, das 08h às 15h. Além disso, para reforçar a importância das discussões sobre as conquistas e os desafios no enfrentamento ao HIV/AIDS, acontecerão ações e rodas de conversa nas unidades de saúde durante o mês todo.
Mesmo a maior parte da população sabendo que a principal forma de contaminação por HIV é o sexo sem camisinha, o número de pessoas contaminadas vem crescendo, principalmente, entre os jovens, o que é alarmante. Para o secretário Municipal de Saúde, Dr. Roberto Petto, falar sobre o combate ao HIV é muito importante. “Sem o diagnóstico precoce, o HIV pode evoluir para a AIDS, doença com tratamento muito eficaz, mas que pode matar se não for identificada ainda no começo”, destacou Petto. “O objetivo das nossas atividades é conscientizar o maior número de pessoas sobre o uso de camisinha nas relações sexuais e a realização de testes rápidos, que detectam algumas ISTs em apenas 30 minutos”, afirmou Sabrina Ribeiro, coordenadora da Vigilância em Saúde.
Por isso, o uso de preservativo é tão importante. Sem ele, o risco de contrair Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) por sífilis, gonorreia e HPV, por exemplo, é muito grande. E com uma IST, as chances de contágio por HIV podem aumentar em 18 vezes. Em todas as Estratégias Saúde da Família (ESF), Unidades Básicas de Saúde (UBS) ou Serviço de Assistência Especializada (SAE) de Guapimirim são oferecidas, gratuitamente, camisinhas femininas e masculinas, gel lubrificante e tratamentos para ISTs. Além disso, testes rápidos para HIV, Sífilis e Hepatites B e C são realizados. O resultado do exame é sigiloso, seguro e fica pronto rapidamente.

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Vereadores do Rio aprovam testagem de covid-19 em escolas

Morreu Ivo Salvador de Albuquerque

Morreu aos 62 anos o médico José Carlos Porto

STF valida restrição para operações policiais no Rio

Rio mantém cronograma de desmonte de hospitais de campanha

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy