ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Estrada ruim deixa Santa Rita sem coleta de lixo

Data: 05/03/2020

Segundo relato de moradores, serviço de coleta de lixo não é prestado há pelo menos duas semanas na região de Santa Rita - Leitor Repórter

Que as estradas do Segundo Distrito de Teresópolis estão em péssimas condições não é nenhuma novidade – infelizmente. Há meses moradores dessa região gritam por socorro ao governo municipal, que pouco fez. Aliada a precariedade no atendimento, as chuvas constantes das últimas semanas complicaram ainda mais a situação e deixaram centenas de moradores com extrema dificuldade para garantir o direito constitucional de ir e vir. Entre os veículos que não têm conseguido chegar a algumas localidades estão os caminhões da coleta de lixo. Na região de Santa Rita, que engloba ainda Fazenda Alpina, Arrieiro, Santana e Engano, moradores reclamam que o serviço essencial não é prestado há duas semanas. Com isso, as lixeiras, construídas pelos populares, estão transbordando e parte do resíduo já toma conta das etradas. “Corremos risco de pegar doenças por causa de ratos ou ser picados por cobra. O detalhe é uma lixeira fica em um ponto de ônibus, mas por nossa estrada estar interditada porquê caiu um pedaço do barranco, o ônibus não está passando”, pontua uma moradora de Santa Rita. 
Questionada pela reportagem do jornal O Diário e Diário TV nesta quarta-feira (04), a Assessoria de Comunicação da Prefeitura tentou justificar a ineficiência no atendimento. “Devido ao volume acumulado de chuvas nos últimos dias, os motoristas dos caminhões que fazem a coleta de lixo no interior encontram dificuldade de acesso às vias, porém foi providenciado um veículo de menor porte para os locais e nesta quarta (4) o trabalho de recolhimento em Santa Rita, no Segundo Distrito, está sendo regularizado”, informa a nota encaminhada para a nossa redação.
Também nesta quarta-feira, moradores da Rua Álvaro Paná, no bairro da Fonte Santa, utilizaram as redes sociais para divulgar imagens de uma grande montanha de resíduos sólidos, material de todo o tipo que toma conta de parte da via pública e contribui para a proliferação de vetores de doenças, como ratos e mosquitos. “Sobre a Rua Álvaro Paná, na Fonte Santa, a Prefeitura ressalta que a coleta de lixo domiciliar está em dia. O que ocorre é colocação de entulho na via. A destinação do entulho é uma obrigação do morador, porém a Prefeitura vai providenciar a retirada desse material da referida rua”, prometeu a PMT, também na resposta à solicitação do Diário. Demandas sobre comunidades podem ser encaminhadas para nossa redação através do número (21) 2742-9977, que também funciona como WhatsApp.

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Mães também precisam cuidar da saúde mental

Neymar renova contrato com o Paris Saint-Germain até 2025

Serra Azul inaugura loja e já pensa em abrir mais duas em Teresópolis

Dicas para decoração em ambientes pequenos

Teresópolis vai ganhar unidade da "Casa do Trabalhador"

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy