ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Estado pode criar novas vagas para o Corpo de Bombeiros

Data: 24/08/2018

A informação foi apresentada durante audiência pública realizada nesta quinta-feira (23) pela Comissão de Trabalho, Legislação Social e Seguridade Social da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro - Julia Passos

Um processo solicitando a abertura de novas vagas para o aproveitamento de candidatos excedentes no concurso de 2014 para o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ) será encaminhado ao Gabinete de Intervenção Militar e ao Governo do Estado. A informação foi apresentada durante audiência pública realizada nesta quinta-feira (23) pela Comissão de Trabalho, Legislação Social e Seguridade Social da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). Segundo o coronel Ednardo Ramos, diretor-geral de pessoal do CBMERJ, os candidatos que já fizeram exames complementares terão preferência no processo. Entre técnicos de enfermagem, combatentes, motoristas e guarda-vidas, a instituição soma um déficit de 3.645 profissionais. "A corporação precisa desses profissionais. Estamos finalizando o encaminhamento e semana que vem já teremos o número do processo," reafirmou o coronel. Na última audiência sobre o tema dos concursados, em junho deste ano, o CBMERJ havia informado que não existiam vagas disponíveis para serem preenchidas, e que dependia do Gabinete de Intervenção e do Governo a criação de novos espaços. Cerca de 400 candidatos aprovados no certame aguardam a convocação.

Outras instituições
O encontro também discutiu a situação de concursados de outros órgãos. De acordo com a delegada Sania Cardoso, diretora-geral de Recursos Humanos da Polícia Civil, 240 oficiais de cartório excedentes de processos seletivos passados iniciarão o curso de formação em setembro. "Pretendemos formar esses profissionais ainda esse ano e nomeá-los, no máximo, em dezembro", informou. Já os 96 papiloscopistas concursados em 2014 ainda precisam esperar a conclusão do processo na Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) que pede a nomeação de todos os servidores. "No momento, só há 18 vagas disponíveis, devido a vacâncias por aposentadorias e falecimentos. Operamos hoje com menos da metade do pessoal prevista em lei, por isso é tão importante para nós e para a sociedade conseguir nomear todos esses profissionais", explicou Sania.

Vagas da SEAP
Na Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP), uma ordem judicial determina que os candidatos aprovados em 2006 e 2012 só sejam convocados depois da nomeação de 555 participantes do certame de 2003. No entanto, o órgão encontra dificuldades para a nomeação dos profissionais que aguardam há 15 anos pela convocação. "Mais de 3000 candidatos já foram chamados para fazer o teste físico, mas, por ser um concurso muito antigo, a maioria não atende mais aos requisitos. Enquanto isso, nosso déficit de mão de obra gira em torno de 1.800 servidores", ressaltou Júlio César Soares, coordenador de concursos da Secretaria. Também participaram do encontro o diretor de Recursos Humanos do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase), Sylvio Castro, a ouvidora do mesmo órgão, Carmen Amarante, e o tenente-coronel Chrizantho, do CBMERJ, além de concursados de todas as instituições.

 

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Estudo mostra que peixe de áreas atingidas por óleo pode ser consumido

Unidades do Sesc RJ exibem filmes selecionados na 3ª Mostra Sesc de Cinema deste ano

PRF prende foragido da justiça por pensão alimentícia

Verão: TJRJ libera advogados do uso de terno e gravata nas audiências

Bolsonaro fala sobre fraudes na Bolívia e renúncia de Evo Morales

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ