ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Equipe do PETP intensifica fiscalização em trilhas

Data: 30/06/2020

Em dois dias, quase 200 pessoas foram abordadas já na trilha ou querendo acessar a Pedra do Elefante, nas proximidades do Mirante do Soberbo - Divulgação PETP

No último fim de semana, equipes do Parque Estadual dos Três Picos e Unidade de Polícia Ambiental (UPAM Três Picos) realizaram operações de fiscalização visando coibir a visitação de atrativos turísticos na unidade de conservação ambiental, visto que, apesar do indicativo do governo estadual para flexibilização nesse sentido, ainda não foi definido pelo Instituto Estadual do Ambiente (INEA) a capacidade de público que cada local poderá receber no período de pandemia do novo coronavírus. Em Nova Friburgo, foram vistoriados o núcleo Salinas e o Pico do Caledônia, sem ocorrências. Em Teresópolis, porém, a situação foi bastante diferente: Em dois dias, quase 200 pessoas foram abordadas já na trilha ou querendo acessar a Pedra do Elefante, nas proximidades do Mirante do Soberbo.
No sábado, na parte da manhã, 62 pessoas foram orientadas a retornar para casa, sendo que 12 já estavam em curso quando abordadas pelos fiscais do PETP e da UPA. À tarde, mais 36 visitantes tentaram acessar a curta e íngreme trilha. No domingo, foram registradas outras 96 tentativas de acesso ao atrativo turístico de onde se avista de maneira privilegiada a Serra dos Órgãos. O PARNASO, aliás, é outro parque que continua com a visitação suspensa. Por enquanto, somente, o Montanhas de Teresópolis, que tem como símbolo a Pedra da Tartaruga, está com as portas abertas.
Com 65. 113 hectares de área de Mata Atlântica, o Parque Estadual dos Três Picos abrange partes dos municípios de Nova Friburgo, Teresópolis, Guapimirim, Cachoeiras de Macacu e Silva Jardim. Foi criado em 2002 com o objetivo de assegurar a preservação de remanescentes de Mata Atlântica em território fluminense da Serra do Mar bem como a manutenção das nascentes e rios que abastecem as cidades vizinhas. “Vamos continuar monitorando a região, com o objetivo de orientar as pessoas sobre a importância de respeitar o isolamento social. É importante que a população colabore, evitando aglomerações”, destacou a gestora do Parque Estadual dos Três Picos, Mayara Barroso de Faria. “Pedimos que as pessoas fiquem em casa e lembramos que em breve o parque estará de portas abertos para recebê-los”, completa a Chefe do PETP.

Respeito às comunidades
Além de seguir as determinações para não atravessar porteiras ou trilhas, mesmo em locais que não estejam nos limites de unidades de conservação ambiental, é preciso respeitar as comunidades no entorno das montanhas, formadas em sua maioria por pessoas que buscam o bom convívio com os montanhistas e podem estar preocupadas com a propagação da Covid-19. As formações rochosas, as trilhas e cachoeiras continuarão lá. Ficar um período distante é fundamental para diminuir as chances de disseminação da doença, manter a política da boa vizinhança e o respeito com o próximo.

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Professores fazem carreata contra volta às aulas no estado de SP

Câmara aprova MP que suspende cumprimento mínimo de dias letivos

Covid-19: Teresópolis tem 75% dos leitos UTI ocupados

Presidente Jair Bolsonaro testa positivo para covid-19

Com aumento de mortes, Miami volta a fechar restaurantes

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy