ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Dono de posto de gasolina detido pela Polícia Civil

Data: 24/09/2019

Cacau Repórter

A Secretaria de Estado de Polícia Civil, por meio da Delegacia de Defesa dos Serviços Delegados (DDSD), realiza, na manhã dessa terça-feira (24), a terceira fase da Operação Graciosa III, visando o cumprimento de cinco mandados de prisão e nove de busca e apreensão referentes à investigação a tentativa de furto de combustível na Baixada Fluminense, que resultou na morte da menina Ana Carolina, em abril desse ano. Os mandados foram cumpridos em Teresópolis, sendo três deles em empresas ligadas ao ramo de combustível. Quatro pessoas já foram presas, entre elas um empresário dono de postos de gasolina em Bonsucesso, no Terceiro Distrito, apontado como receptador do combustível roubado, e um policial militar.  As investigações tiveram início em 24 de abril, após uma quadrilha especializada em furtar combustível de dutos da Transpetro, realizar uma derivação clandestina que provocou um enorme vazamento de gasolina, ferindo quatro pessoas, entre elas uma criança de nove anos, que não resistiu. Na primeira e segunda fases da Operação Graciosa quatro pessoas envolvidas no crime foram presas. A operação de hoje tem o apoio da Secretaria de Estado de Fazenda, Ministério Público, Delegacia de Polícia Judiciária Militar (3ª DPJM), Agência Nacional de Petróleo, Petrobras Transportes S/A e Instituto de Pesos e Medidas.

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

TSE autoriza convenções partidárias virtuais para eleição deste ano

SINDPMT cobra suspensão dos descontos de consignados

Empresários de bares e restaurantes do estado temem crise após reabertura dos estabelecimentos

Rio chega a 6 mil mortes e quase 60 mil casos de covid-19

Covid-19: Brasil tem 584.016 casos confirmados e 32.548 mortes

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy