ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Carnaval lota praça pública na Várzea

Data: 04/03/2019

Divulgação

O domingo de Carnaval na Várzea teve programação para todo tipo de público, com Bloquinho de Carnaval na Praça, desfile de escola de samba no Parque Regadas, espaço kids e shows na Praça Olímpica.

Bloquinho

Pelo quarto ano consecutivo, o Bloquinho de Carnaval na Praça reuniu os pequenos foliões e suas famílias. Neste ano, a animação teve apoio da Prefeitura de Teresópolis e tomou conta da Praça Governador Portella, anexa ao Palácio Teresa Cristina, em Agriões.

Cerca de 400 pessoas se divertiram ao som das marchinhas e sambas mais famosos do Carnaval, tocados pelo centenário Grêmio Musical Paquequer.

Camila Bueno, organizadora do evento, ressaltou que a cada ano o Bloquinho de Carnaval na Praça vem crescendo. Nesta quarta edição, a novidade ficou por conta da troca de praça.

“Com o Lupulando na Praça Nilo Peçanha, tivemos que procurar um novo local para o Bloquinho, e a decisão não poderia ter sido melhor. A Praça Governador Portella foi uma escolha certa para a folia dos pequenos. O evento estava lindo, como sempre. Muita alegria e, neste ano, com o apoio da prefeitura, tivemos a Guarda Municipal para ajudar”, disse Camila.

Marcilio Campos, folião que veio do Rio especialmente para o Bloquinho, destacou a organização e a animação do evento. “Conheci o Bloquinho na primeira edição e, desde então, subo a Serra para estar com meu sobrinho e familiares, aproveitando esse clima animado e de segurança. O Bloquinho não fica nada a dever aos que acontecem na Zona Sul do Rio. Parabéns aos organizadores e à prefeitura por possibilitar essa união de alegria”, comentou.

O Bloquinho de Carnaval na Praça acontece desde 2016, sempre na manhã do domingo de Carnaval. O evento tem foco no público infantil e suas famílias, que revivem um pouco da folia de outros carnavais.

Escola de samba

Com 38 anos de história dedicada à folia, o Grêmio Recreativo Escola de Samba Mocidade Unidos do Rosário foi para a avenida com o samba ‘Amazônia Inferno Verde’, de 1995.

“Trouxemos a escola pra avenida com recursos próprios e ajuda da comunidade, pra mostrar que o Carnaval não acabou. É a alegria do povo!”, ressaltou Waltair Martins, presidente da escola de samba.

O casal de mestre sala e porta bandeira, Victor Santos e Monique Moraes, esbanjou simpatia no desfile, entre a Praça da Matriz de Santa Teresa e o Parque Regadas.

“É maravilhoso desfilar, uma emoção que não dá pra explicar. A gente vem na garra porque ama o Carnaval”, disse Monique.

“Essa é uma cultura que une os jovens, dá esperança, trabalho e traz turismo. Todo mundo veio pra avenida por amor, reciclando suas fantasias”, acrescentou Victor .

A passista Rita Mendonça também foi pra avenida. “O Carnaval de Teresópolis tem que renascer, a cidade precisa de alegria. É Carnaval no coração e samba no pé”, concluiu.

Shows e espaço kids

Na Praça Olímpica, as crianças se divertiram no pula pula, nos brinquedos infláveis e participaram de atividades de desenho e pintura.

Na área de shows, a galera se divertiu ao som de Rômulo e Ricardo, do Clube do Churrasco e do Quintal do Céu.

Praça de alimentação, banheiros químicos, plantão de equipes de Saúde com ambulância e da Vara da Infância e da Juventude, segurança particular e auxílio da Polícia Militar e da Guarda Civil Municipal completaram a infraestrutura, com limpeza geral no final dos eventos, realizada pela equipe da Prefeitura.

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Integração de linhas de ônibus gera confusão

Abertas inscrições para voluntariado no Parnaso

Prefeitura continua incomodando as árvores

Estrada em péssima condição prejudica moradores

Empresas entregam novas propostas para fabricação de urnas eletrônicas

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ