ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Candidato Leandro Neves surpreende com votação expressiva para Deputado

Data: 10/10/2018

O candidato Leandro Neves surpreende com votação expressiva para Deputado e mesmo com grande apoio nas urnas, político considera que sua missão maior é mesmo eleger seu candidato a Presidência da República

Anderson Duarte

Com a frase “Olavo tem razão” estampada no peito, o teresopolitano Leandro Neves, que conquistou no último domingo quase onze mil votos, iniciou, muito antes do fenômeno Bolsonaro e toda essa onda vivenciada pelo país afora, um verdadeiro processo de retomada do pensamento direitista em nosso município. O Olavo a que se refere Leandro é o escritor e filósofo Olavo de Carvalho, que com seu conceito de instituição de uma Democracia representativa efetiva, inspirou o político a agregar amigos em grupos nas redes sociais e aos poucos mudar o pensamento vigente, que segundo ele, não condiz com a discrição da sociedade brasileira. Para Neves, esse é o momento dos conservadores retomarem o rumo do país e balancearem novamente o pêndulo do poder brasileiro. O candidato acredita que agora, é mesmo o momento para concentrar seus esforços na eleição do candidato a Presidência da República que ele apoia, mas que o futuro político dele ainda não foi definido.
Olavo de Carvalho, desde os episódios dos protestos contra a ex-presidente Dilma, tem sido a fonte de coragem dos conservadores e centenas de manifestantes portavam cartazes com a expressão "Olavo tem razão", difundida por fãs do escritor nas redes sociais e trabalhada aqui em nossa cidade por Leandro. Rapidamente, o trabalho que começou como uma forma de propagar as informações sobre o pensamento conservador se tornou uma corrente entre cidadãos que também comungavam das mesmas ideais. “Eu comecei com esse lance da camiseta tem muito tempo depois que fui a academia com ela e muita gente se interessava em perguntar sobre o que o Olavo falava e porque ele tem razão. Depois disso percebi que era uma forma de propagar as ideias e debater com a sociedade esse tipo de abordagem filosófica, assim como também pelas redes sociais. O episódio da instalação do outdoor na serra fez com que tivemos mais capilaridade no movimento e alcançássemos mais pessoas e num raio maior de atuação. Municípios vizinhos rapidamente se manifestaram e nós criamos diversos grupos de Direita para debates e formação. Não havia em princípio uma preocupação eleitoral na iniciativa, apenas colaborativa e formativa”, explica Leandro.
Este ano, na disputa por uma vaga na Alerj, Neves foi o candidato mais votado n acidade de Teresópolis, com seus 9.229 votos conquistados entre os eleitores da cidade, bem mais que o ex-prefeito e político de cinco mandatos Mario Tricano, que levou na lábia apenas 7.156 votos teresopolitanos. Na votação total, os candidatos a deputado estadual mais votados foram Tricano com 16.859 e Leandro Neves com seus impressionantes 11.187. Neves fez mais votos inclusive que o vereador e ex-presidente da Câmara Maurício Lopes, que além de um mandato na mão, ainda dispõe de muita experiência eleitoral. Mas o resultado foi mesmo uma grande surpresa até para ele, que começou a entrevista enaltecendo seus primeiros momentos do pós-eleição. “Eu me surpreendi ainda mais, já que na apuração mesmo já me sentia surpreso, quando sai nas ruas ontem e fui abordado por muitos teresopolitanos que depositaram confiança em mim e no meu trabalho, isso foi incrível. Mas acho que meu foco agora não é contabilizar o que isso significa para meu futuro político, mas sim eleger o meu candidato ao cargo de Presidente da República no final do mês, quando regressamos a urna”, enaltece Leandro.
Entre os seguidores de Olavo estão muitas celebridades como o cantor Lobão, o Youtuber Nando Moura, a advogada do impeachment e agora deputada eleita com a maior votação do Brasil, Janaina Paschoal, o ex-ator pornô e agora também deputado Alexandre Frota, e claro, Jair Bolsonaro, que Olavo sempre disse ser o único candidato “desvinculado do capital internacional”. Leandro também lembrou que Olavo cita em suas fala uma agenda multicultural comunista cujas ideias e a forma de pensar prevalentes no mundo ocidental teria imbuída em sua forma a possibilidade de se esvaziar de significado as tradições judaico-cristãs. “Se os cidadãos não acreditam em nada, são facilmente controláveis pela tal elite globalista”. Para Neves, antes de se pensar em futuro político na cidade, é preciso focar no trabalho do segundo turno, mas não nega sua pretensão de se lançar como futuro candidatos a cargos municipais.

 

Compartilhar:






ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jovens vão auxiliar a Guarda Municipal usando bicicletas

Dodge diz ao Supremo que Lula não pode conceder entrevistas na prisão

Campanha para descarte correto de medicamentos

Campanha de renegociação de dívidas continua na PMT

Posto de Saúde de Araras recebe ação do Outubro Rosa

        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ