ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Aluno do Cerom ameaçava colegas com simulacro de pistola

Data: 22/02/2019

O rapaz tentou escapar da autuação pelo fato análogo a posse de simulacro de arma de fogo: Ele escondeu a ?pistola fake? na mochila de um amigo, que em seguida passou para a mochila de um terceiro - Divulgação 30º BPM

Marcello Medeiros

No final da tarde da última quarta-feira, alunos de uma turma do Centro Educacional Roger Malhardes, o CEROM, no bairro de São Pedro, entraram em desespero quando constataram que um dos adolescentes estava de posse de uma arma de fogo. A direção do estabelecimento da rede municipal de ensino foi alertada e acionou o 30º Batalhão de Polícia Militar. Equipe do Setor Escolar (Sargentos Neves e Luiz Carlos) foi destacada para a Rua São Pedro e conseguiu identificar o denunciado e apreender o equipamento que ele utilizava para ameaçar um colega: Na verdade se tratava de um simulacro, uma imitação de uma pistola, na cor preta, muito parecida com a original.
Ao perceber que a situação havia saído do controle, o rapaz tentou escapar da autuação pelo fato análogo a posse de simulacro de arma de fogo. Ele escondeu a “pistola fake” na mochila de um amigo, que em seguida passou para a mochila de um terceiro. Como resultado, os três terminaram na 110ª Delegacia de Polícia, a acompanhados por responsáveis e representante do CEROM. O caso também foi comunicado ao Conselho Tutelar. Em breve, os jovens devem ser apresentados à Vara da Infância e Juventude. O armamento ficou apreendido.

Armas e munições no Caleme
No dia anterior, equipes do 30º BPM retiraram de circulação dois revólveres e uma pistola, além de munições para calibre 38. O armamento estava de posse de um morador da Estrada do Triunfo, no bairro do Caleme, preso em flagrante após negociar uma das armas. O comprador também terminou na 110ª Delegacia de Polícia. Informações que podem levar aos autores de atos ilícitos – de todo o tipo, desde os que possam parecer pequenos, mas que acabam gerando outros crimes em cadeia – devem ser passadas para os telefones 190, 2742-7755 e 99817-7508. Os telefones são da Polícia Militar e não é necessário se identificar. 

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Covid-19: Nas últimas 24h, Brasil registra mais de 30 mil novos casos

Campanha do Sebrae ajuda microempreendedores a se reinventarem

Fachin suspende operações policiais em comunidades do Rio

BNDES cria programa de apoio à pequena e média empresa

Petrobras reajusta em 5% preço do gás de cozinha

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy