ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Acusados da morte de Fred Maia condenados pela Justiça

Data: 16/09/2020

Fred Maia, uma pessoa do bem e que faz muita falta na saúde teresopolitana. O médico foi assassinado no início de março do ano passado

Os dois jovens apontados como autores do assalto que terminou com a morte do médico Ferdinando da Silva Moura, mais conhecido como Fred Maia, de 63 anos, foram condenados pela Justiça de São Paulo a 20 anos de prisão, sem direito a recorrer em liberdade por se tratar de crime hediondo. O assassinato aconteceu no início de março de 2019, quando o gastroenterologista do Hospital São José, e outras unidades onde fez muitos pacientes e amigos ao longo dos cerca de 40 anos de profissão, passava pela rodovia SP-50, no limite entre São José dos Campos e Monteiro Lobato. Fred voltava da casa de familiares e parou o veículo para trocar um CD, sendo abordado e alvejado a tiros na ação dos criminosos. Eles foram presos cerca de 20 dias depois do latrocínio por policiais da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de São José dos Campos, em São Paulo.  A dupla já tinha passagem por roubo e, poucos dias antes do crime envolvendo o médico de Teresópolis, atacou membros de uma igreja evangélica no bairro Alto da Ponte, também em São José dos Campos, exatamente da mesma maneira. Segundo a polícia, depois de atirar em Fred Maia um dos jovens assumiu a direção do veículo e a dupla fugiu em direção a São José. O VW Golf do profissional da saúde foi encontrado pela polícia dois dias depois na mesma região onde eles foram presos.

Segundo a polícia, jovens que atacaram o profissional da saúde também cometeram crimes parecidos dias antes na mesma região


UMA PESSOA DO BEM - Fred Maia foi sepultado em Monteiro Lobato, cidade do interior de São Paulo onde moram seus familiares, e de onde saiu jovem para formar-se na Faculdade de Medicina de Teresópolis. Aqui, onde aprendeu sua profissão, o tricolor Ferdinando fincou pé e deixou raízes nos relacionamentos de amizade e amor que cultivou. Na ocasião da sua brutal morte, centenas de pessoas utilizaram as redes sociais para demonstrar o carinho pelo grande profissional da saúde que há tanto tempo fazia questão de atender muito bem os que entravam em seu consultório ou nos hospitais onde atuava. “Estou desolada, muito triste. Era meu amigo e meu médico. Amava nossa cidade e sua partida deixa uma enorme lacuna. Fará uma falta terrível para todos nós”, comentou Edinar Corradini. “Que tristeza perder um amigo do coração como o Fred. Ao menos estava com seu amor e nessa vibração amorosa antes de partir tão injustamente. Seguirás em cada um de nós o nobre amigo, médico consciente, competente e atencioso. Seremos menos sem você”, pontuou Andrea Sant Anna. “Vai fazer muita falta a todos nós que dependíamos de seus conselhos e seu bom humor! Só uma coisa consola aos que o conheciam, partiu com o espírito jovem que ele tanto preservava. Feliz e de bem com a vida!“, frisou Sônia Ramos.

 

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Carnaval de rua no Rio em 2021 é adiado

Governo libera entrada de estrangeiros em todos os aeroportos do país

Presidente Jair Bolsonaro está sem febre ou dor após cirurgia

Bolsonaro fará cirurgia em São Paulo nesta sexta

Copa do Brasil: Atlético-GO marca nos acréscimos e elimina Fluminense

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy