Visite nossas redes sociais:

edição digital

leia

Saiba como ficam serviços nas escolas, saúde, água e transporte coletivo

Data: 29/05/2018

A Viação Teresópolis, responsável pelas linhas intermunicipais e algumas rurais, comunica que reduziu em 30% a frota de ônibus em circulação

Marcello Medeiros

Nesta segunda-feira (28), o prefeito interino Pedro Gil fez reunião com os secretários de sua equipe de governo para debater as estratégias necessárias para manter a prestação dos serviços públicos à população por conta da falta de combustíveis que ocorre em todo o país. “Até quarta-feira, a Prefeitura tem combustível. O governador Pezão disse que, se houver necessidade, garante escolta de gasolina e diesel até a Polícia Militar em Teresópolis, para ambulâncias e os serviços de assistência social”, destacou Pedro Gil, em nota divulgada pela Assessoria de Comunicação.
Ainda segundo o documento, na Saúde várias medidas foram tomadas para a continuidade do atendimento público. “Hoje foram suspensas as cirurgias eletivas no Hospital das Clínicas de Teresópolis e no Hospital São José. A Clínica de Hemodiálise está funcionando com sessões de três horas para cada paciente. A UPA ainda tem medicamentos e insumos e faz atendimentos prioritários e os postos de saúde seguem funcionando”, explicou o secretário de Saúde, Antonio Henrique Vasconcellos.
“Responsável pela administração da garagem da Prefeitura, que abastece a frota oficial, a secretaria de Segurança Pública está atenta à situação e segue racionando combustível. Isso para garantir a circulação dos veículos da Saúde, Educação, Segurança Pública e da coleta de lixo domiciliar”, informou a PMT. 
Na Educação, a expectativa é que as escolas e creches municipais funcionem normalmente até esta quarta-feira, devido ao feriado de Corpus Christi nesta quinta, 31 de maio, e com o recesso escolar de sexta, 1º de junho, quando as unidades escolares ficarão fechadas. Problemas pontuais com merenda escolar e redução da frota de ônibus são resolvidas pontualmente, com as escolas orientando pais e alunos sobre as medidas a serem tomadas. 

Hospital São José
Em nota divulgada no final da tarde de ontem, o HSJ – Hospital São José, RJ, informou que em virtude da crise de abastecimento decorrente da greve dos caminhoneiros, a Instituição tem enfrentado dificuldades para recebimento de insumos, o que prejudica sua atuação em todos os âmbitos. “A Instituição informa ainda que tem atuado para otimizar o consumo dos itens em estoque, a fim de garantir o atendimento dos pacientes que já se encontram internados. Apesar de não terem sido cancelados os procedimentos agendados, até o momento, informamos que não realizaremos novos agendamentos para cirurgias e procedimentos, até que a situação se normalize.  A consultas ambulatoriais terão a agenda mantida. O HSJ está entrando em contato com os pacientes que têm consultas ambulatoriais agendadas, a fim de confirmar ou reagendar, de acordo com a situação específica”.

Transporte público e táxi
A Viação Dedo de Deus, responsável pelo transporte urbano e rural, informa que nesta segunda, 28, e terça feira, 29, está operando com todos os ônibus cumprindo a tabela de horários referentes a sábado, mas sem redução de ônibus durante o dia. A Viação Teresópolis, responsável pelas linhas intermunicipais e algumas rurais, comunica que reduziu em 30% a frota de ônibus em circulação. Os ônibus responsáveis pelas linhas rurais atuarão apenas nos horário de pico (manhã, tarde e noite). Já os ônibus intermunicipais estão tendo os seus horários remanejados. 
O Sindicato dos Taxistas de Teresópolis informa que a maioria dos carros que compõem a frota de táxi da cidade utiliza o GNV – Gás Natural Veicular – como combustível principal e, com isso, têm mantido uma normalidade nos serviços prestados.

Movimento na Rio-Teresópolis 
A CRT – Concessionária Rio-Teresópolis – informa que, em alguns pontos da rodovia BR-116 há retenção no tráfego de caminhões em função de manifestação de caminhoneiros. No sentido Além Paraíba: do km 76 ao 77; do km 54 ao 55; e do km 40 ao 41. Há manifestação popular com tráfego interrompido para caminhões nos dois sentidos. Na Baixada e Serra, no momento o fluxo de veículos está normalizado.

Atendimento da Cedae
A direção da Cedae em Teresópolis informou nesta segunda-feira que a situação vem se agravando exponencialmente. O pouco combustível que sobrou foi transferido para os veículos responsáveis pelos atendimentos emergenciais. Em relação aos produtos utilizados para o tratamento da água, na subestação em Três Córregos, o estoque só dura até a próxima sexta-feira. “A empresa está atuando junto as áreas de segurança a fim de garantir o suprimento de produtos químicos indispensáveis para o tratamento da água”, informou a empresa.

Abastecimento de carne e laticínios
A falta de abastecimento dos estoques dos supermercados no estado do Rio de Janeiro já começa a afetar a oferta de laticínios e proteína animal em alguns estabelecimentos, informou nesta segunda-feira (28) a Associação de Supermercados (Asserj). "A proteína animal em geral e alguns itens da categoria de lacticínios já apresentam baixa em alguns supermercados, principalmente nas menores redes", divulgou a associação em comunicado à imprensa. Também considerados itens de necessidade básica, produtos de mercearia e higiene pessoal não foram impactados até o momento. Segundo a Asserj, após o fim da greve dos caminhoneiros, serão necessários três dias para que o abastecimento seja regularizado em todo o estado. Desde a semana passada, a greve dos caminhoneiros impede a chegada de produtos à Central Estadual de Abastecimento (Ceasa), e os itens perecíveis que precisam de reposição diária, como as verduras e legumes, foram os mais afetados.



Nesta quarta-feira, verduras começaram a ser vistas nos mercados novamente

Compartilhar:






ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Liminar de Alessandro Cahet cai, e suplentes só devem assumir depois do recesso, em 2 de agosto

Venda direta de etanol pode reduzir preço para o consumidor nos postos

Tabela de frete aumenta preço do feijão e do arroz, diz CNA

Notícias falsas podem colocar eleições em risco, diz presidente do TSE

Aulas noturnas em autoescolas serão suspensas

        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ