Visite nossas redes sociais:

edição digital

leia

E AS CASAS POPULARES DO ROSÁRIO?

Data: 12/09/2017

Terreno que a prefeitura comprou por R$ 400 mil, no bairro Rosário

E AS CASAS DO ROSÁRIO?
Propriedade da prefeitura, uma área de 4.056,50 metros quadrados no Rosário está sem uso e em iminente risco. No terreno, que bem podia servir a algum empreendimento de habitação popular do governo, o então prefeito Arlei chegou a anunciar a construção de 120 casas, promessa de 2013 que foi empurrada para o ano seguinte, e seguinte, até o mau prefeito cair, e cair no esquecimento a sua promessa.
O terreno é um próprio municipal, custou R$ 400 mil à vista, e se não for feito logo um bom proveito da propriedade, pode ter o mesmo fim de outra fantástica área na região, onde seriam erguidos um complexo hoteleiro, depois uma universidade, e o que se fez foi uma grande ocupação irregular, a "favela da rua Mato Grosso".
Atenção, vereadores...

ENROLADO
Apesar da pirraça que fez, Lula depõe hoje frente ao juiz Moro, e pode se complicar ainda mais. Além de ter que decorar bem as respostas que vai dar, corre prazo para ele informar à justiça onde arranjou R$ 9 milhões que acharam malocado em seu fundo de previdência.

PAGAMENTO
Sem dinheiro até para o ônibus, os servidores públicos municipais param na próxima quinta-feira, 14, e uma grande mobilização está sendo marcada em frente à câmara.
Será que vão bater no prefeito de fato, ou no de direito?

LARANJA
Assistindo esse tal Joesley Batista, a gente percebe que o bem sucedido empresário não consegue concatenar as ideias, nem concluir um raciocício, cheguei a uma conclusão.
Esse cara é laranja de alguém grandão no país, só pode.

ATENTOS
Mais votado com os votos válidos da última eleição, com cerca de 20 mil votos, o ex-deputado Luiz Ribeiro fez reunião com os correligionários na noite desta segunda-feira.
"O dia D se aproxima, e temos de estar atendos", ouviu-se por lá.

SERVIÇOS PÚBLICOS EM GREVE
Sem pagamento dos salários e vale transporte referentes ao mês de julho e do mês de agosto 2017, os servidores públicos municipais lotados na secretaria de Serviços Públicos e na deserta secretaria interina de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural decidiram fazer greve parcial a partir da próxima quinta-feira, dia 14, quando ficarão suspensos cerca de 30% dos serviços prestados como a coleta de lixo, limpeza urbana e manutenção das vias públicas, paralisação que só pretendem interromper quando receberem os vencimentos integrais, referente ao mês de julho e agosto de 2017.






ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Setembro Amarelo alerta para a prevenção ao suicídio

Temer viaja a Nova York para jantar com Trump e discursar na ONU

Anvisa proíbe amálgama de mercúrio não encapsulada utilizada na odontologia

INSS tem R$ 1 bi a receber de bancos por pagamento a segurados já falecidos

Professor que comparou cerveja escura a mulher negra se torna réu por racismo

        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ