ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

CBF recebe comitiva de Teresópolis para debater o Turismo

Data: 12/06/2018

A Granja Comary é famosa por ser a ?casa? da seleção brasileira de futebol desde 1987

Anderson Duarte

Ter a sede do mais vitorioso futebol do mundo como um aparelho dinamizador do turismo teresopolitano sempre foi um sonho antigo da cidade, aliás, desde que o terreno foi cedido para a Confederação se espera que isso aconteça. Mas não é assim que se dá a relação da gestão municipal com o órgão esportivo. Essa historia começa a ser mudada nesta semana, depois eu o secretário-geral da CBF, Walter Feldman, e o diretor de patrimônio, Oswaldo Gentille, receberam o prefeito eleito de Teresópolis, Vinicius Claussen, em reunião na sede da entidade, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Segundo a assessoria da CBF, o encontro serviu para estreitar os laços da nova administração da cidade com a diretoria da confederação.
Há 30 anos, Teresópolis sedia a Granja Comary, o centro de treinamento da Seleção Brasileira, e contribui para o desenvolvimento da cidade na Região Serrana do Rio de Janeiro. Também participaram do encontro Paolo Vinco (administrador da Granja Comary), Ari Boulanger (vice-prefeito eleito de Teresópolis), Hugo Leal (deputado federal), Marcello Netto (assessor parlamentar), Pedro Alves (presidente do Teresópolis Convention), Vinicius Oberg (assessor de imprensa do prefeito). A CBF possui na Granja Comary, mais de 150 mil metros quadrados de área verde compostos de belas paisagens, divididas entre cinco campos, infraestrutura para atendimento aos atletas e um dos mais modernos centros de treinamento do mundo. O vasto espaço da Confederação é um ponto de atração para turistas, entretanto, com pouco acesso liberado para o publico em geral. Algo que a gestão Claussen espera mudar. Com o apoio do Deputado Hugo Leal, a nova gestão espera encontrar um ponto de apoio da CBF com relação a esse maior acesso. A Granja Comary é famosa por ser a “casa” da seleção brasileira de futebol desde 1987. A área já foi uma fazenda que pertencia ao empresário Carlos Guinle e já era chamada Granja Comary. Ele queria transformar parte da mata nativa em uma fazenda-modelo. Em 1951 a fazenda começou a ser loteada, até que em 1978, a Confederação Brasileira de Futebol adquiriu a Granja para ser usada como centro de treinamento da seleção brasileira de futebol. Depois da construção das instalações necessárias, a seleção começou a usar o espaço em 1987 durante as preparações para a Copa América.
A seleção costuma usar o espaço nas preparações para as competições internacionais, como os Jogos Pan-Americanos, as Olímpiadas e a Copa do Mundo FIFA. Não é raro ver os fãs agrupados na entrada do local esperando por uma chance de ver seus jogadores favoritos. O órgão ainda lançou este ano, com vistas a Copa do Mundo Rússia 2018, o Centro de Excelência do Futebol Brasileiro, uma estrutura moderna e pensada para atender a três pilares - Treinamento, Ensino e Pesquisa. Além do Centro de Excelência, a CBF reestruturou toda a estrutura de hospedagem do CT da Seleção Brasileira, a recém construída sala do Centro de Pesquisa e Análise, a nova área do Departamento Médico e tudo o mais que estará a serviço da equipe nesta preparação para a Copa do Mundo.

Compartilhar:






ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Dia D de vacinação contra sarampo e paralisia

Dr Bumbum tem prisão preventiva decretada

TSE nega novo pedido de Lula para participar de debate na TV

Tite convoca para amistosos Paquetá, Pedro e Arthur

PM explica abordagem divulgada em redes sociais como "covardia"

        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ