Visite nossas redes sociais:

edição digital

leia

BNDES amplia condições de crédito para projetos de saneamento

Data: 13/06/2018

Cristina Indio do Brasil  Rio de Janeiro

 
Os projetos em saneamento básico do setor público selecionados pelo programa Avançar Cidades – Saneamento, do Ministério das Cidades, terão alterações nas condições de financiamento. Com as mudanças, a participação do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) foi ampliada de 80% para até 95% do valor total do projeto.

O prazo para pagamento nos financiamentos oferecidos pela instituição pode alcançar 34 anos, incluído o período de carência. As taxas de juros variam entre 0,9% a.a. e 1,3% ao ano. Tanto o prazo como os juros valem para investimentos acima de R$ 20 milhões contratados diretamente com o Banco.

O programa Avançar Cidades – Saneamento foi criado pelo Ministério das Cidades para financiar projetos de abastecimento de água, esgotamento sanitário, manejo de resíduos sólidos, manejo de águas pluviais, redução e controle de perdas, planos de saneamento e estudos e projetos. O BNDES é uma das opções para quem apresentar uma iniciativa do setor público na área de saneamento básico, que passa por processo de seleção pública. O agente financeiro é escolhido pelo proponente.

Segundo o BNDES, o prazo para o cadastramento das cartas-consulta no sistema da Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental do Ministério das Cidades termina na próxima segunda-feira (18).

Compartilhar:






ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Liminar de Alessandro Cahet cai, e suplentes só devem assumir depois do recesso, em 2 de agosto

Venda direta de etanol pode reduzir preço para o consumidor nos postos

Tabela de frete aumenta preço do feijão e do arroz, diz CNA

Notícias falsas podem colocar eleições em risco, diz presidente do TSE

Aulas noturnas em autoescolas serão suspensas

        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ