ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Acusado de homicídio e porte de arma é preso com maconha

Data: 11/04/2018

Entorpecente apreendido na casa do acusado e apresentado na delegacia de polícia

Marcello Medeiros

Bastante conhecido das equipes do 30º Batalhão de Polícia Militar pelo envolvimento em diversos crimes – entre eles tentativa de homicídio, porte ilegal de arma de fogo e até Maria da Penha, um morador do bairro do Corta Vento mais uma vez “garantiu seu lugar no sistema prisional”. Ele foi encaminhado para o xadrez da 110ª Delegacia de Polícia no início da tarde desta terça-feira após flagrante por tráfico de drogas naquela comunidade.
A operação, baseada em denúncias feitas ao quartel sobre a venda de drogas, foi realizada pelas equipes da PATAMO, DPO São Pedro e Polícia Reservada (P2). Os militares cercaram a residência do suspeito e fizeram a abordagem, encontrando no imóvel uma grande quantidade de Cannabis sativa, a popular maconha, e até uma balança de precisão utilizada para separar simetricamente o material comercializado ilegalmente. 
Devido aos crimes que já responde, e pelo fato que continuaria andando armado, o traficante do bairro do Corta Vento seria temido pelos “concorrentes”. Na incursão desta terça-feira, nenhum armamento foi encontrado. Além do entorpecente, foi apreendida a quantia de R$ 112,00. O dinheiro teria sido obtido com a venda de erva seca e prensada. Após um período no xadrez da delegacia local, o rapaz foi encaminhado para unidade prisional da Polinter, no Rio de Janeiro, lugar que já conhece bastante. Participaram da operação o DPO São Pedro (1 ° SGT Alexandro, CB Ferraz, CB F. Toledo e SD Selem), PATAMO (1° SGT Albuquerque , CB Pablo, CB André  e SD Barcelos) e uma equipe do Setor de Inteligência do 30º BPM, a P2.

Faça sua parte
As ocorrências de prisões por tráfico e apreensões de entorpecentes têm acontecido quase que diariamente em Teresópolis e nos mais diversos bairros. Devido ao grande território e crescimento populacional, a Polícia Militar não consegue atender a todas as comunidades ao mesmo tempo e, por isso, pede que a população faça sua parte e denuncie qualquer ato ilícito. As informações podem ser passadas de forma anônima para os telefones 190, 2742-7755 e 99817-7508 (WhatsApp).

 

Compartilhar:






ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Teresópolis recebe Fórum de Segurança e Turismo

Dia da Árvore com distribuição de mudas na BR-116

PMT capacita servidores sobre sistema de aprimoramento de dados

Estudantes aprendem sobre turismo e história do município

Secretária de Controle Interno fala de dificuldades no Orçamento e na máquina pública

        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ